Clube da Luta

Jon Jones tem 95% de chances de voltar ao UFC em 2018, diz empresário

Encarada entre Jon Jones e Daniel Cormier. Foto: Site Oficial do UFC

Jon Jones pode voltar a lutar no UFC ainda neste ano. Pelo menos é o que acredita seu empresário, Malki Kawa. De acordo com o gestor, existem 95% de chances de “Bones” voltar ao octógono do Ultimate, uma vez que os argumentos e as provas de que o lutador não teve intenção de usar substâncias proibidas são bastante consistentes. As declarações de Kawa foram dadas em entrevista ao programa Luke Thomas Show.

Em fevereiro, os representantes do atleta terão uma reunião com a Comissão Atlética da Califórnia e, até o encontro, Malki espera que a investigação da Associação Antidoping dos Estados Unidos encerre as investigações. “Espero que tudo aconteça desta maneira, e acredito que no fim de março, com certeza, tudo estará resolvido”, afirmou.

Jones testou positivo para Turinabol, substância anabólica que ajuda no ganho de massa muscular. O atleta garante que não usou a substância, alegando que houve uma contaminação dos suplementos utilizados durante sua preparação para a luta contra Daniel Cormier, terminada após nocaute de Jones no terceiro round.

“Se a USADA (Associação Antidoping dos EUA) é uma organização respeitável, e eu acredito que é, ela compilará todas as informações obtidas, todas as entrevistas que eles fizeram e tudo que eles analisaram, e verá que Jon Jones não trapaceou, e que ele não usou intencionalmente nenhum tipo de substância. Acredito que eles saibam disso, e que todos possam chegar a essa mesma conclusão baseados nas circunstâncias”, completou o empresário.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *