Clube da Luta

ENTREVISTA: José Aldo exalta confiança para luta no UFC Fortaleza e revela desejo de se aposentar no Brasil, em 2019

Aldo pretende fazer 3 lutas em 2019. Foto: Inovafoto/Divulgação

A decisão está tomada. José Aldo quer cumprir o contrato que tem com o UFC – de mais três lutas – e se aposentar do MMA. A ideia do lutador é fazer todos os combates ainda este ano, justamente nas três edições que o Ultimate programou para o Brasil em 2019 para, ao fim da temporada, pendurar as luvas. Foi o que lutador cravou nas entrevistas que concedeu nesta quarta-feira (16) e reforçou também na conversa exclusiva que teve com o Blog Clube da Luta.

O tour de despedida começa por Fortaleza. No próximo dia 2 de fevereiro, o manauara, de 32 anos, enfrenta o brasiliense Renato ‘Moicano’. Depois, o lutador revelou que planeja lutar na edição de Curitiba, prevista para maio (e com luta principal definida, entre Jéssica Bate-Estaca e Rose Namajunas, que duelam pelo cinturão do peso-galo feminino). O último combate deve ocorrer em São Paulo, em edição prevista para setembro e outubro.

Para honrar a carreira que teve, Aldo afirmou que quer sair de cena em grande estilo, brindando a torcida com grandes apresentações. “Não tem essa de se a vitória não vier. Eu vou vencer. Toda vez que eu subo no octógono é para vencer. Pode ter certeza que estou muito bem preparado para dar show e fazer grandes lutas este ano. Mas vou com calma. Passo a passo, pensando em luta por luta”, afirmou ao blog.

Na entrevista ao Clube da Luta, o lutador falou sobre a recusa para fazer luta principal do UFC Fortaleza, como era esperado, em virtude do peso de seu nome e do fato de ele e seu adversário estarem bem ranqueados, no TOP 5 dos pesos-penas. “Por mim, faria a luta principal e disputaria os cinco rounds normalmente. Foi uma decisão do Dedé (Pederneiras, seu técnico) e não minha. Ele que falou com o Dana White (presidente do UFC)”, afirmou.

Aldo falou ainda sobre retornar a Fortaleza, onde esteve outras vezes, onde esteve pelo menos três vezes nos últimos cinco anos, fazendo presença VIP, em eventos de MMA. “Fico muito feliz em lutar em Fortaleza. Tenho muitos fãs e amigos por aí, como o pessoal da Nova União Ceará, como o (Carlos) Índio. Fico lisonjeado com o carinho de todos. Tem muitos atletas bons aí. Sempre convido o pessoal do Ceará para lutar no evento de kickboxing que tenho aqui no Rio de Janeiro”, destacou.

Campeão dos pesos-penas do UFC entre 2011 e 2016, Aldo garantiu que não pensa mais no cinturão, nem em fazer superlutas ou subir de categoria. “Pretendo fazer minhas últimas lutas no peso-pena, que é a minha categoria. No passado, quase deu certo eu lutar nos leves (divisão de cima), mas não deu certo. A carreira da gente passa muito rápido”, pontuou o atleta, que tem 31 lutas no cartel, com 27 vitórias 4 derrotas.

Com entradas a partir de R$ 75, os ingressos para o UFC Fortaleza seguem à venda no site Tudus.com.br e na loja oficial do UFC, localizada no Shopping Iguatemi.

CONFIRA TAMBÉM: Veja como conseguir ingressos para acompanhar a pesagem e sessão de autógrafos do UFC Fortaleza

SERVIÇO
UFC Fortaleza
Quando: 2 de fevereiro (a pesagem será no dia anterior, 1º de fevereiro, as 18h)
Onde: ginásio do Centro de Formação Olímpica (na Av. Alberto Craveiro, ao lado da Arena Castelão)
Horário: a partir das 19h
Transmissão: Canal Combate (evento na íntegra)

Confira o card até o momento*:

Raphael Assunção vs. Marlon Moraes

José Aldo vs. Renato Moicano

Demian Maia vs. Lyman Good

Thiago “Pitbull” Alves vs. Max Griffin

Charles do Bronx vs. David Teymur

Markus Perez vs. Anthony Hernandez

Livia Souza vs. Sarah Frota

Johnny Walker vs. Justin Ledet

Ricardo Ramos vs. Said Nurmagomedov

Junior “Baby” Albini vs. Dmitry Sosnovskiy

Rogerio Bontorin vs. Magomed Bibulatov

Mara Romero Borella x Taila dos Santos

*card sujeito a alterações

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *