Discografia

Selvagem, mas nem tanto

Por Thiago de Sousa (thiagosousa@opovo.com.br)

O rapper Flo Rida surpreende os fãs e a crítica mais uma vez com o seu novo trabalho Wild Ones, que traduzido para o português chama-se “Os Selvagens”.

Wild Ones também é o nome de uma de suas músicas e tem a parceria da australiana Sia, neste que é o quarto álbum da carreira do rapper. O primeiro foi Mail on Sundays, lançado em 2008, apenas dois anos depois de estourar com a música Low, feita em parceria com o também rapper T-pain, e com ela atingir o primeiro lugar no Hot 100 da Billboard e bateu recorde de downloads digitais no iTunes.

Flo Rida sempre gostou de inovar e além de tudo é ousado. Em entrevista a um site americano ele disse que o objetivo principal com este novo trabalho é colocar todas as músicas entre as cinco mais tocadas no mundo. Fraco? Acho que não. Ele tem talento, música e público para tal feito.

Outras participações deixam o álbum mais diversificado. George Kay na faixa In My Mind, a latina Jennifer Lopez em Sweet Spot e o performático RedFoo, da dupla LMFAO, na música Run. A verdade é que esse álbum vem marcado com uma batida mais pop, puxando para o cenário eletrônico. O que não é muito típico dos rappers propriamente ditos.

O rapper americano sempre teve esse lado meio pop, não deixando de lado, claro, suas raízes no Rap, mas se mantendo nas pistas. Wild Ones promete e com certeza vai cumprir. Músicas boas, dançantes e as participações especiais fazem do álbum um dos melhores da música americana jovem atualmente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.