Discografia

Filho de Mauro, João Senise estreia em disco de standards do jazz

179 2

joaosenise_largeCom 24 anos de idade, João Senise já veio ao mundo com o caminho relativamente traçado. Filho do genial flautista e saxofonista Mauro Senise, ele começou a estudar música aos quatro anos e aprendeu piano com Gilson Peranzzetta, seu padrasto. Mesmo tendo cursado e atuado no jornalismo, acabou fazendo valer o sangue da família e enveredando pela música. A estreia do moço acontece com o disco Just in time (sem gravadora), que reúne um time de craques da música instrumental brasileira. Além do pai e do padrasto, estão presentes Zeca Assumpção, Mingo Araújo, João Cortez e alguns outros. Com 14 faixas puxadas para o jazz tradicional, toques de big band e momentos intimistas de voz e piano, Just in time mistura erros e acertos na mesma proporção. O repertório é imbatível, com pepitas como All of me, Cheek to cheek e Come rain or come shine. Como “intrusas” no  meio destes standards internacionais,  estão Sorriso de luz, composição de Peranzzetta e Nelson Wellington que já ganhou vozes de Leila Pinheiro e Djavan, Love Dance, outra de Peranzzetta com Ivan Lins e Paul Williams, e Tears in heaven, balada trágica de Eric Clapton e Will Jennings. Diante de tanto peso emocional, João deixa claro que ainda não tem marra suficiente para encarar canções que já ganharam vozes douradas como as de Sinatra ou Shirley Horn. Com arranjos buscando reproduzir as ideias originais, o cantor de voz grave se mostra tímido e preso diante de tantos clássicos. Just in time traz ainda as participações de Gabriel Vaz, Ivan Lins, Sofia Vaz e Zé Luiz Mazziotti. São quase 70 minutos de música, que, pela falta ousadia, deixam o disco datado e sem graça.

Veja as faixas de Just in time:

1. The best is yet to come
2. Feeling good
3. Cheek to cheek (com Sofia Vaz)
4. Sorriso de luz (com Ze Luiz Mazziotti)
5. All of me
6. Let’s call the whole thing off (feat. Sofia Vaz)
7. Here’s to life
8. Come fly with me
9. Love dance (com Ivan Lins)
10. Cry me a river
11. That old feeling (com Gabriel Vaz)
12. Tears in heaven
13. Come rain or come shine
14. Just in time

2 Comentários

  • Mário Márcio disse:

    infelizmente, o Marcos Sampaio tem razão.

  • ROBERTA CRISTINA DE PAULA disse:

    HJ, PELA PRIMEIRA VEZ, OUVI E VI ESSE CANTOR SE APRESENTANDO NO PROGRAMA ESTUDIO I DA GLOBO NEWS. APÓS A APRESENTAÇÃO, QUE FOI FEITA NA ABERTURA, TECENDO VÁRIOS ELOGIOS, SINCERAMENTE, FIQUEI DECEPCIONADA. ENTRETANTO, COMO SOU APENAS UMA APRECIADORA DE MÚSICA, DE VÁRIOS ESTILOS, ME INDAGUEI SE NÃO SERIA POR IGNORÂNCIA QUE MINHA AVALIAÇÃO FORA NEGATIVA. ENTÃO, RESOLVI, BUSCAR OUTRAS INFORMAÇÕES SOBRE O ARTISTA. AO ME DEPARAR COM ESSE SITE PERCEBI QUE MINHA APRECIAÇÃO NÃO FOI TÃO ABSURDA. ACHO QUE POR GOSTAR DEMAIS DE MÚSICA (OUÇO MUITO!!!) AVALIO ASSIM, DE OUVIDO, E ESSE CANTOR FICOU MUITO AQUÉM DO QUE DISSERAM A SEU RESPEITO.

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.