Discografia

O caminho de volta de Manu Gavassi

Foto: divulgação

“Então me diz o que eu faço pra tentar te esquecer/ Eu nem sei o que eu gosto tanto, tanto em você”. Quem foi adolescente, lá pelo ano de 2006, provavelmente, ouviu muito os versos acima. Garoto Errado, de Manu Gavassi, dominava os intervalos da escola, a trilha sonora da Malhação e as festinhas de condomínio. Agora, após uma pausa de quase dois anos, Manu Gavassi está de volta.  A jovem paulistana  acaba de lançar seu terceiro álbum e mostra que as saias rodadas, os dramas juvenis e os lacinhos no cabelo – característica marcante do inicio de sua carreira – ficaram para trás. 

Manu chegou às plataformas de streaming e às lojas no último mês.  O CD, com 12 faixas inéditas, reflete de maneira clara a nova fase na vida da cantora. “Eu cresci, né? Acho que isso fica claro nesse trabalho. Estou bem menos dramática”, brinca Manu Gavassi por telefone em entrevista ao DISCOGRAFIA. Em uma conversa cheia de risos e muito leve, Manu contou tudo sobre o que os fãs devem esperar desse momento.

Após o sucesso de Garoto Errado, a agenda de Manu Gavassi se dividiu. A cantora também é atriz e dedicou seu tempo para a atuação. “Eu comecei a atuar e me dediquei bastante. Só que cantar sempre foi uma paixão e eu sempre quis voltar”, comenta.  Apesar dos outros trabalhos, Manu Gavassi (2010) e Clichê Adolescente (2013), além do EP Vício, com o qual fez turnê pelo País em 2016, Manu considera este disco o seu primeiro. “Desta vez, eu estava à frente de tudo. Participei da produção até o resultado final. É um trabalho que tem a minha cara”.

Foto: divulgação

Em Manu, a cantora explorou um novo lado. As letras buscam mostrar que a adolescência ficou para trás. “Não foi algo pensando. Mas, é algo que remete ao que sou hoje. É meu amadurecimento”, explica. O disco tem uma pegada dançante e muito pop. No álbum, a cantora busca mostrar uma mulher empoderada, ciente de sua força. Mas, ela garante que não abordou o tema só pela força que ele ganhou nos últimos tempos. “O tema virou moda. Porém, não é por isso que ele tá no meu novo trabalho. Tem muito a ver com o meu momento. De ser independente. E não acredito que seja ruim um tema como o feminismo virar moda, o importante, para mim, é que ele tá sendo discutido. E ganhando cada vez mais espaço”.

O disco também causou polêmica por conta da capa. A cantora escolheu para abrir  o CD uma foto em que aparece nua. “Eu queria uma foto que mostrasse a mulher que sou. Jovem, forte e de bem com o corpo”.  Manu afirma que não teve receio na hora de fazer as fotos. “Não vi problemas. Foi algo artístico e natural. E eu me acho bonita, sensual”.

Para o futuro, além da turnê do novo trabalho, Manu Gavassi tem planos de gravar algumas faixas em espanhol. “Quero rodar o Brasil com o meu novo trabalho e com toda certeza, quero ir a Fortaleza”, garante a cantora.

SERVIÇO
Manu, de Manu Gavassi
Gravadora: Universal Music
12 faixas
Preço: R$ 24,90

Recomendado para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.