Fora da Ordem

MC Carol critica violência racial e relembra vítimas na música ‘Marielle Franco’

MC Carol e Marielle Franco (Foto: Reprodução / YouTube)

MC Carol lançou na manhã desta sexta-feira, 22, a música “Marielle Franco“. Em parceria com Heavy Baile, a carioca critica a violência racial contra mulheres. O clipe mostra manchetes de violência contra o povo negro e cita nome de vítimas na canção. “Eu sou Mariele, Cláudia / Eu sou Marisa / Eu sou a preta que podia ser sua filha”.

“O povo preto ta sangrando todo dia / Eu não aguento mais viver oprimida / Nesse país sem democracia / To me sentindo acorrentada, desmotivada / Eu também naquele carro fui executada”, diz um dos trechos da música.

O clipe começa com o emocionado depoimento de uma avó que perdeu o neto de 12 anos, morto com tiros nas costas após tentar socorrer uma mulher. Ela elenca casos como o de Claudia Silva Ferreira, morta em 2015 após ser arrastada por uma viatura da Polícia Militar na Zona Norte do Rio de Janeiro.

Em outro momento, MC Carol destaca a opressão do estado. “Eles batem até em professor / Nem sempre eu sou tão forte / Mas vou estar lá, gritando contra a morte / Gritando contra o poder machista branco / Presente hoje, sempre, Marielle Franco”.

Recomendado para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *