Plínio Bortolotti

Syntagma nos Concertos Solidários

Com mais de 20 anos, o Syntagma é a principal referência da música antiga no Ceará. Foto de Jacques Antunes

Syntagma é a principal referência da música antiga no Ceará. Foto de Jacques Antunes

Série Concertos Solidários amplia o circuito de música e alia redes de solidariedade para novas platéias em Fortaleza, com quatro concertos do Syntagma, em novembro:

Dia 15/11 às 18h30: Igreja Batista Comunidade do Amor, Porangabussu (Rua Capitão Francisco Pedro, 732 – fone (85) 3281.2377)
Dia 17/11 às 12h30: Saguão do Theatro José de Alencar, Centro – (Praça José de Alencar, s/n, Centro – fone (85) 3101 2583)
Dia 19/11 às19h30: Fundação Bezerra de Meneses, (Av. Major Assis, 2333, Jardim Guanabara – fone (85) 3228.1015)
Dia 22/11 (DIA DA MÚSICA) às 18h: Cuca Che Guevara (Av. Presidente Castelo Branco, 6417, Barra do Ceará)

Os Concertos Solidários são gratuitos.

Projeto contemplado via Lei Federal de Incentivo à Cultura – Ministério da Cultura, com apoio do Banco do Nordeste

Programa

Saltarello – Anônimo Medieval
Mille Regrets e Entre du Fol – Tielman Susato
Algodão – Luis Gonzaga e Zé Dantas
Pavana e Galiarda – Antony Holborne
Qui nem Jiló – Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira
Ductia – Anônimo Medieval
The Earl of Essex’s Galliard – Jonh DowlandSonatella – Antonio Bertali
Baião – Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira
Asa Branca -Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira

Músicos

Davi Calandrine (Violão), Glauber Pereira (Percussão), Heriberto Porto (Flautas), Jorge Santa Rosa (Viola de Gamba), Marcos Leão , Luciana Gifoni, Robson Oliveira e Solange Gomes (Flautas diversas)

Saiba mais sobre os  Concertos Solidários 2009, com informação dos organizadores.

Tocados pela música, os Concertos Solidários fortalecem redes de solidariedade

A programação revela a produção de compositores clássicos e brasileiros e divulga a música instrumental nos elos da música antiga com a música tradicional de nossa região.

A série, que está em sua 3ª edição resgata o uso das igrejas como palcos para apresentação da música erudita, assim como reforça e abre novos espaços de apresentação artística na cidade.

O nome da série Concertos Solidários se deve ao estímulo à doação de alimentos não-perecíveis nos dias dos concertos, sempre gratuitos, para entidades benemerentes. Nessa edição as doações serão destinadas aos projetos sociais da Igreja Presbiteriana e da Fundação Bezerra de Meneses.

Incentivado pela Lei Rouanet/ Ministério da Cultura, o Concertos Solidários conta com apoio do Banco do Nordeste, e já é parte da agenda permanente na vida da cidade. A série, cuja edição mais recente, em 2008, aconteceu em Sobral (Igreja de São Francisco) e Fortaleza (Igreja do Carmo), teve a primeira montagem em 2001, espalhando-se por oito igrejas de Fortaleza e na matriz de Aquiraz.

Syntagma divulga música antiga européia e música contemporânea nordestina do Brasil para novos públicos

Concertos Solidários convidou o Grupo Syntagma para a série de apresentações.

Com mais de 20 anos de trajetória artística, o Syntagma é a principal referência da música antiga no Ceará. Trabalha as ligações da música produzida na Europa medieval, barroca e renascentista com a música tradicional produzida hoje no Nordeste do Brasil. Usa instrumentos antigos, similares aqueles que animavam os bailes, festas e celebrações na Idade Média.

Os Músicos-pesquisadores do Syntagma encontram semelhanças na sonoridade de instrumentos antigos como viola da gamba, flautas e cravo, nossas rabecas e pífaros, por exemplo. O vasto repertório vai de canções medievais a Gonzagão.

Igrejas como lugar de difusão da música: salas de concertoA experiência de ouvir música nas igrejas de distintos credos vai além da música litúrgica, da música que permeia a celebração religiosa, prática que por si só tem adeptos em igrejas dos mosteiros de São Bento no Brasil – como as de Olinda, Salvador, Rio de Janeiro e São Paulo – por exemplo. .

No Brasil, temos casos de igrejas católicas que, literalmente, se tornara salas de música de concerto. Em Belém, o Espaço São José Liberto se transformou em 2002 em centro de referência na produção de jóias no Pará.

O espaço, que já abrigou um convento e um presídio, teve sua pequena capela transformada em sala de concerto. Ainda em Belém, a Igreja de Santo Alexandre, do Colégio dos Jesuítas, recebeu cadeiras e iluminação de auditório. É uma sala de concertos de padrão internacional, favorecida pela qualidade da acústica. As igrejas barrocas de Minas Gerais abrigam também concertos e recitais de música de várias épocas.

A prática se manifesta ainda em países oficialmente laicos, como em Havana, Cuba, onde a capela do Convento dos Franciscanos, no Centro, tem sala com programação artística gratuita o ano inteiro. Em Fortaleza, para citar a trajetória mais recente, várias experiências de concertos são abrigadas em igrejas. A Igreja Batista (Aldeota) vai além com programa de formação em música. As igrejas do Pequeno Grande, Cristo Rei e do Rosário receberam programas de canto coral e orquestras. Nesse pensamento, o Concertos Solidários possibilita também o alcance de público, ampliando nossos espaços de atividades artísticas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *