Plínio Bortolotti

Percursos Urbanos revela os coletivos de arte urbana, neste sábado

"Folhar", de Hélio Rôla. Veja mais em rolanet.blogspot.com (clique para ampliar)

O projeto Percursos Urbanos vai percorrer neste sábado os lugares onde se expressam os artistas “dos pincéis e dos sprays”.

O convite

“Durante toda esta década, os moradores de Fortaleza viram surgir nas ruas da cidade mais cores, mais arte. As tintas subiram pelas paredes, pelos muros e por alguns outros lugares que eram cinzas e deram formas à poesia que habita os citadinos. As estruturas urbanas e nossa urbe continuam a receber da arte. Este movimento é fruto da ação de coletivos cada vez mais numerosos e organizados. O PerCursos Urbanos pretende dar voz àqueles que usam pincéis e sprays, para que assim possamos descobrir este conceito de arte, a intervenção urbana, e seus personagens.”

O projeto

O projeto Percursos Urbanos é organizado pela ONG Mediação de Saberes. Funciona da seguinte maneira: os participantes se encontrem; o mediador faz uma introdução do assunto e, depois, todos embarcam em um ônibus para visitar os pontos relacionados ao tema. O percurso demora cerca de três horas.

Mediador: David da Paz é artista híbrido e educador, integra o Coletivo Curto-Circuito e o Laboratório de Arte Pública da Secretaria dos Direitos Humanos.
Participantes: Interessados em geral, mediante inscrição prévia, na recepção do CCBN (já estão abertas).
Ponto de saída: Centro Cultural Banco do Nordeste. Rua Floriano Peixoto, 941 – Centro.
Telefone: (85) 3464  3108.
Mais.

Recomendado para você