Deprecated: Function create_function() is deprecated in /home/devadm/public_html/blogs/wp-content/themes/opovotheme-mosaic/includes/widgets/widgets-video.php on line 104
A incrível história de Laura Jane e o punk rock do Against Me

Respirando Música

A incrível história de Laura Jane e o punk rock do Against Me!

 

 

Imagine o vocalista de uma das bandas mais importantes do punk rock mundial que ao mesmo tempo lutou a vida inteira contra a disforia de gênero, condição que leva o indivíduo a sentir que sua identidade de gênero é uma incompatibilidade com seu sexo biológico real. Ele decide revelar para o mundo sua nova identidade, agora como uma mulher transgênera, semanas antes de lançar mais um disco. Poderia facilmente ser mais um roteiro de Hollywood, mas é a história de vida de Laura Jane Grace (antigamente conhecida como Tom Gabel) vocalista da banda Against Me!. Laura anunciou sua “nova vida” numa entrevista para a Revista Rolling Stone (EUA) causando curiosidade em todo o mundo da música.

A vida de Laura passou pela natural turbulência de uma mudança de tal porte. O Against Me! sofreu a baixa de dois integrantes (baixista e baterista) e mesmo assim lançou um dos discos mais importantes  e interessantes dos últimos anos. Laura Tom

“Transgender Dysphoria Blues” (Jan/2014) é o sexto álbum de estúdio da banda americana e traz um grito de liberdade sufocada com letras expondo as angústias e os anseios de alguém que parece não se encaixar no mundo em que sempre viveu, fazendo referências diretas a Laura Jane Grace, antes o típico vocalista de uma banda de punk rock e agora uma mulher transgênera de saias ou vestidos, combinando sempre com o cabelo longo e o salto alto que tomou o lugar do tênis surrado, casada com uma mulher e pai de uma filha de 4 anos.

Músicas como “Transgender Dysphoria Blues”, “True Trans Soul Rebel” e “Fuckmylife666” são verdadeiros hits e gritam por liberdade, questionando algo bem maior que a sexualidade ao jogar frases certeiras como: “Mas não escolhemos como somos feitos”, “Você deveria estar vivendo uma vida diferente” e “Eu nunca quero dizer que me arrependo”.

Laura Jane Familia

 

Dessa forma O Against Me! crava de vez seu nome entre as bandas mais importantes do punk rock, emplaca um disco que “desce” fácil e por merecimento deverá entrar em todas as listas de “Melhores de 2014”. Quanto a Laura, podemos com certeza aguardar mais surpresas, mais “polêmicas” e os mesmos shows enérgicos de sempre. Enquanto isso acontece ela continuará questionando: “Será que Deus ama o seu coração transexual?”.

 

 

 

Esse foi meu primeiro texto para a mais nova coluna do Respirando Música. Acompanhem a coluna Pílula semanalmente!

Até a próxima! 

 

Recomendado para você