Veia Esportiva

Rugby feminino busca atletas e reconhecimento

1245 1
Equipes feminina e masculina Na.For

Na.For feminino e masculino

 

O rugby teve origem na Alemanha e era considerado como uma variação do futebol, por isso, era chamado, inicialmente, de “rugby football”. Existem duas modalidades principais do esporte, o Rugby XV, que é formado por 15 jogadores titulares e 7 reservas. A partida é dividida em dois tempos de 40 minutos, com 10 minutos de intervalo. E o Rugby Seven, que é formado por 7 jogadores titulares e 5 reservas. A partida é dividida em dois tempos de 7 minutos, com 1 minuto de intervalo.

O rugby (ou rúgbi) é um esporte de bastante contato físico e é praticado por cerca de 60 mil brasileiros. O estado do Ceará possui 13 equipes em atividade, oito masculinas: Sertões, Centuriões, Na.For, Tubarões, Aurora, Araripe Soldiers, Titãs, Monólitos, e cinco femininas: Dona Maria, Leoas, Centuriões, Aurora, Araripe Soldiers. Os times estão espalhados tanto pela capital quanto no interior. 

Equipe cearense de Rubgy

Enquanto a equipe Na.For feminino está engatinhando no rugby cearense, o time Na.For masculino está na final do Nordeste Super Rugby XV, que será realizado dia 25 de junho, no estádio Presidente Vargas (PV), em Fortaleza.

Embora só tenha dois meses de existência, o corpo de atletas da Na.For feminino é composto por campeãs cearenses de rugby, que inclui a jogadora convocada para a Seleção Brasileira, Claudiana Guilherme. “A equipe do Na.For feminino foi idealizada com o objetivo de reunir as melhores atletas de rugby do estado para formar um time competitivo em âmbito nacional”, destaca Natasha Mendes, organizadora.

Os time Na.For, tanto feminino, quanto masculino, contam com dois treinadores: José Manuel Jimenez, ex-jogador da seleção espanhola de rugby sevens, que é responsável pela parte tática dos treinos, e Elton Tavares, atleta do Na.For masculino, que cuida do condicionamento físico da equipe feminina.

Entendendo o jogo

O objetivo do jogo é chegar à linha do gol e marcar pontos. A pontuação é a seguinte:

Ensaio ou Try – 5 pontos: É marcado quando um jogador consegue apoiar com uma das mãos a bola no chão entre a “área de validação” da equipe adversária.

Conversão – 2 pontos: após o try, o jogador chuta a bola tentando fazer com que ela passe por cima da trave e entre os postes da equipe adversária.

Pontapé de ressalto ou Drop goal – 3 pontos: Durante a partida, um jogador pode desferir um chute tentando fazer a bola passar por cima da trave e entre os postes da equipe adversária.

Pontapé de Penalidade ou Penalty Goal – 3 pontos: Ao sofrer uma falta, a equipe pode optar por tentar fazer um chute aos postes no local onde ocorreu a infração.

Onde treinar

Se você se interessou pelo esporte e deseja fazer parte do time Na.For, os treinos são realizados às segundas, terças e sextas-feiras, às 20h30min, na rua E, 405, no José Walter – Fortaleza. O campo fica atrás do shopping Arvoredo. Aos sábados, o treino é às 18 horas no Aterro da Praia de Iracema.

Mais informações:

Natasha Mendes: (85) 9 9708 6571

Igor: (85) 9 9984-9921

Facebook: fb.com/RugbyNaFor

Para saber mais

A entidade que governa o Rugby Union no mundo é o World Rugby, fundado em 1886. No Brasil, o Rugby é governado pela Confederação Brasileira de Rugby, CBRu, fundada em 2010 em substituição à antiga Associação Brasileira de Rugby (ABR).

Curiosidade: Após 92 anos fora das Olimpíadas, o Rugby fará parte dos jogos Olímpicos – Rio 2016.

 

1 comentário

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *