Ancoradouro

"Apóstola" diz que Jesus voltará em 2017 ou 2018

Hoje, explicava a um senhor Testemunha de Jeová que muito cedo bateu à minha porta que eu era convicto de minha fé e quanto à doutrina deliberadamente escolhi a Católica por sua tradição e unicidade, ao contrário dos evangélicos que se desmembram freneticamente formando novos grupos denominados de Igreja. Isto faz surgir muitas distorções e interpretações errôneas da Bíblia.

Não demora muito e me deparo ainda no mesmo dia, na internet, com a carta de uma evangélica denominada apóstola na qual  afirma que a vinda de Cristo será  em 2017 ou 2018. Neuza Itioka, do ministério Ágape é a autora da declaração que a põe em grau de supeioridade a Jesus Cristo, pois este mesmo afirmou nas Escrituras que quanto à sua vinda nem Ele mesmo sabia, somente o Pai do Céu.

Assim escreve Neuza quando se refere à profecia: “De acordo com alguns estudiosos e profetas e incluindo o rabino Ben Samuel que  profetizou, que provavelmente, em 2017 ou 18, o Messias Jesus estaria inaugurando o seu reinado do milênio.  Sim, de acordo com os acontecimentos, a figueira que representa Israel floresceu em 1947 e o Senhor disse que, a geração que assistiu o florescimento não passaria, até que todas estas coisas acontecessem. Uma geração dura 70 anos.  De 1947 mais 70 anos corresponde a 2017. ( Lc. 21; 29-33)   Aparentemente, o Messias está para voltar, logo e logo. Você e eu poderemos estar no meio desta igreja que sobe ou fica”.

Mais sobre a apóstola

Neuza Itioka se tornou apóstola pela oração de Rony Chaves, da Costa Rica, que também ungiu a brasileira Valnice Milhomes, todos ligados ao Dr. Morris Cerullo. Tanto esse como Valnice já profetizaram o fim do mundo, o primeiro em 2000, a segunda em 2007. Todos erraram. Resta saber se Neuza acertará sua profecia  mesmo contrariando a Escritura Sagrada.

Recomendado para você