Clube da Luta

Coluna: nova luta marcada de Caio Magalhães e Chiba Fight com entrada gratuita em Fortaleza são os destaques da semana

Caio lutou entre 2012 e 2016 no UFC. Foto: Mateus Dantas /O Povo

Um dos grandes nomes da história recente do MMA cearense, Caio “Monstro” Magalhães já tem data, local e adversário para o seu próximo combate. Esta semana, o ex-atleta do UFC fechou contrato para lutar na 3ª edição do evento norte-americano Dominate Fighting Championship (DFC), que será realizado no dia 5 de janeiro, em Tacoma, cidade do estado de Washington, nos Estados Unidos.  Em duelo válido pela categoria peso-médio, ele enfrenta o americano Travis Doerge.
Caio ainda segue como contratado do evento Professional Fighters League (PFL), mas como deve demorar a fazer sua próxima luta pela organização, acabou aceitando o convite para lutar no DFC. “Eles, do PFL, me liberaram porque o torneio do ano que vem que vou participar começa só em maio de 2019. Até lá é muito tempo pra ficar parado. Aí nós fechamos uma luta em um evento menor aqui nos Estados Unidos”, afirmou o lutador, em entrevista à coluna.
Hoje com 30 anos, Caio Monstro, que mora nos Estados Unidos e treina na academia de Glover Teixeira (lutador do UFC), tem um cartel de 16 lutas profissionais no MMA, com 10 vitórias e 6 derrotas. O próximo combate, no DFC, pode ser um divisor de águas em sua carreira, já que sedento por reabilitação, por ter perdido em suas últimas apresentações, duas atuando pelo M-1 Global e uma pelo PFL.

De equipe nova

Os cearenses Andrezinho Nogueira e Odali Filho fecharam contrato esta semana para defender a equipe MMA Masters, que tem sede em Miami-EUA, onde treinarão para suas lutas.

CHIBA FIGHT 
A agenda do fim de semana reserva uma atração para os fãs de luta em Fortaleza: é o Chiba Fight, evento que  realiza sua 1ª edição neste sábado (10), com lutas de MMA e Kickboxing. O detalhe é que o evento é aberto ao público, sem cobrança de ingresso. O palco dos combates é a Praça do Sítio São João, no bairro  Jangurussu. A luta principal do evento traz o duelo entre Henrique Capoeira, da equipe Vida Nova,  enfrentando Jeferson Salgado, da Hikari Team, pelo cinturão dos pesos-galos (até 61kg).
Outro destaque é o duelo feminino entre Jéssica Coelho e Stephanie Oliveira, em disputa válido pelo peso até 60kg. O evento  começa as 18h. “A ideia é que seja o primeiro de muitos eventos nesse formato aberto, com toda a estrutura de segurança garantida. Quero levar também para o Interior do Estado”, afirmou Evenilson Pinto, organizador do Chiba Fight.
* Coluna de Bruno Balacó publicada no jornal O POVO na edição de 09 de novembro de 2018

Recomendado para você