Discografia

Roberto Carlos em tom elegante com Célia

912 1

Por Camila Holanda (@camilasholanda)

Encontrar homenagens a Roberto Carlos não é uma tarefa difícil. Shows de tributos e covers, discos e projetos variados sempre entram no mercado ou na programação de casas noturnas. Ainda mais comum é a turma de voz e violão dos bares arriscar um Detalhes e emocionar. A cantora Célia seguiu o lado contrário. O seu mais recente disco  é uma homenagem ao, digamos, lado B de Roberto. Ou seja, nada de Quando eu estou aqui, eu vivo esse momento lindo.

Outros românticos (Joia Moderna) é um trabalho bem específico, com foco nas canções gravadas pelo Rei na década de 1970, mas que não foram compostas por ele, apenas interpretadas. Essa muito opção, já seguida pelo cantor e violonista Renato Vargas (um dos representantes da onda Som de barzinho), é uma saída pra quem quer cantar o Rei, mas sabe que sua majestade coloca dificuldades pra quem quer mexer no seu repertório. Ainda assim, o novo trabalho da cantora capta o romantismo de Roberto Carlos. E o desafio está nesto ponto.

Com 40 anos de carreira, o repertório de Célia sempre teve uma forte influência do samba, como Nei Lopes, Benito di Paula, Chico Buarque, Elton Medeiros, e quem acompanha o trabalho dela sabe que é algo atípico, um projeto especial. No entanto, remexendo no passado, gravar Roberto não é algo, assim, tão inédito na carreira dela. Antes de  seu primeiro Long Play, um compacto simples foi gravado com a composição Nasci numa manhã de Carnaval, composição do homenageado com seu grande parceiro Erasmo Carlos. Outro registro foi em 1972, no segundo LP da carreira de Célia, com a A hora é essa, da mesma dupla.

A primeira faixa do disco é bem conhecida na voz de Roberto. Abandono, composição do grande Ivor Lancelotti, já faz suspirar. A quinta faixa, com Quero ver você de perto, é uma bela contribuição de Benito di Paula, mas não é samba. O grande destaque do disco vem em seguida. Jogo de damas, composição de Milton Carlos e Isolda, foi rearranjada em um tango e bem encaixado na rouca voz de Célia. O disco tem arranjos simples e abre espaço pra voz forte e carregada de emoção da cantora.

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=NQ0w53z6tTY[/youtube]

Outros românticos é para ser apreciado, degustado e  sentido aos poucos. Com  a paixão presente em todas as faixas,  é daqueles discos para remoer elegantemente as pequenas e grandes dores de amor e, na falta,  até inventá-las, para não perder a oportunidade de fazer cena.