Blog do Jocélio Leal

Opinião: Atentado a Bolsonaro menos grave se lobo solitário

Marielle Franco, vereadora do PSOL assassinada no Rio (Foto: Divulgação)

Fortaleza – A se confirmar que o sujeito que esfaqueou o candidato Jair Bolsonaro (PSL) agiu como lobo solitário, ou seja, sem nenhuma conotação partidária, o impacto para a vida política do País é grave, mas um tanto menor. Não estaríamos diante de um atentado orquestrado por uma força política antagônica.

Abstraindo a questão humana e sem comparar as dores de cada família, o assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ) e de seu motorista, provavelmente cometido por uma quadrilha, é de uma violência ainda maior para a política. O caso segue insolúvel.

Recomendado para você