Blog do Jocélio Leal

Smiles mostra os dentes com R$ 626 mi no trimestre

Leonel em entrevista ao Blog durante lançamento de cartão em São Paulo, 2017

São Paulo – A Smiles mostra os dentes. Teve crescimento do faturamento bruto de 23,4%, atingindo R$ 626,3 milhões. Entre janeiro e março, os clientes transferiram para a Smiles 28,5 bilhões de milhas e resgataram 22,4 bilhões.

A margem fixou acima dos 40% (41,5%, com expansão de 0,3 p.p.) em comparação ao mesmo período no ano passado.

Em nota,  Leonel Andrade, presidente da Smiles, disse que o crescimento dos indicadores reforça a trajetória saudável da companhia e o engajamento dos clientes.

“Iniciando seu sétimo ano de atividade, a Smiles mantém o compromisso de uma administração rentável, com crescimento de 27,2% nas milhas acumuladas e de 18,5% nas resgatadas”, disse Leonel.

Dentre os destaques do período estão o início da operação oficial da Smiles na Argentina no mês de fevereiro.

Sorri também pela redução do saldo mínimo de transferência de pontos dos cartões de crédito Itaú para as contas Smiles. Para Leonel, demonstração de confiança do banco na companhia.

Outra: 100% da operação da Smiles migrou para a nuvem. Teria garantido um importante ganho de agilidade, rapidez e segurança.

“Nós iniciamos o ano com bastante solidez na operação, preservando o crescimento, sem perder a margem acima dos 40%, o que nos solidifica na liderança do mercado e nos mantêm como a principal opção do cliente para viajar com milhas”, afirmou Leonel.

Destaques

 Faturamento bruto de R$ 626,3 milhões

Crescimento de 23,4% em relação ao 1T18

Acúmulo de milhas de 28,5 bilhões

Crescimento de 27,2% em relação ao 1T18

 Resgate de milhas de 22,4 bilhões

Crescimento de 18,5% em relação ao 1T18

Lucro líquido de R$ 141,9 milhões

Queda de 8,5% em relação ao 1T18

Receita de resgate de milhas de R$ 500,7 milhões

Crescimento de 14,3% em relação ao 1T18

Margem direta de resgate de 41,5%

Crescimento de 0,3 p.p. em relação ao 1T18

 

 

Recomendado para você