Plínio Bortolotti

Ética na assessoria de imprensa é tema de debate na UFC

750 2

“A serviço de quem? Ética na assessoria de Imprensa”. Esse é o tema do debate que será realizado na próxima segunda-feira (25/10/2010), das 18 às 20 horas. O evento será no auditório da Biblioteca de Ciências Humanas da Universidade Federal do Ceará (UFC): av. da Universidade, 2683, Bloco 4, Benfica – próximo às Casas de Cultura Estrangeiras.

O debate terá a participação da assessora de imprensa e componente da Comissão de Ética do Sindicato dos Jornalistas do Ceará, Ângela Marinho, e do diretor institucional do Grupo de Comunicação O POVO, Plínio Bortolotti.

O espaço das assessorias de imprensa no Brasil foi dominado por jornalistas na década de 70, em detrimento dos profissionais de relações públicas. Oficialmente, a entrada do jornalista nessa área foi estabelecida a partir do acordo entre a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) e o Conselho Nacional de Relações Públicas, no I Encontro Nacional dos Jornalistas em Assessoria de Imprensa, realizado na década de 80.

No acordo, o Conselho cedia as reservas de mercado das assessorias de imprensa aos jornalistas. Essa concessão fez com que muitos jornalistas passassem a atuar tanto em assessorias como nas redações de veículos de comunicação.

Ocupação

No entanto, a ocupação simultânea das redações e assessorias por jornalistas também acarretas implicações éticas. Em Portugal, por exemplo, é vetado ao jornalista o direito de atuar ao mesmo tempo em assessoria de imprensa e em redação, tendo que fazer a opção por uma das duas áreas.

O debate vai levantar questionamentos éticos relacionados ao fazer jornalístico na assessoria de imprensa. Como conciliar, de forma ética, o interesse público, que a princípio, deve orientar o fazer jornalístico, e o interesse da organização, a que o assessor está diretamente ligado? A serviço de quem este profissional está?

Pauta

Colocando essas questões em pauta, o debate “A serviço de quem? Ética na assessoria de imprensa” pretende dialogar com profissionais, estudantes da área da comunicação e a sociedade. Espera-se que o debate possa ser um espaço de reflexão sobre a ética jornalística na Assessoria de Imprensa.

O evento faz parte do II Ciclo de Debates em Assessoria de Comunicação, organizado por estudantes da disciplina de Assessoria de Comunicação do curso de Comunicação Social da Universidade Federal do Ceará, ministrada pela professora Klycia Fontenele. [Informações da organização do evento]

Veja a programação completa.

? 08/11/2010 (segunda): “Limites e Intersecções entre Comunicação Pública e Marketing Político”.
? 22/11/2010 (segunda): “Jornalistas e Relações Públicas: os dilemas no exercício da Assessoria de Imprensa”.
? 29/11/2010 (segunda): “Assessoria de Comunicação na Segurança Pública: administrando impactos em períodos de crise”.
? 01/12/2010 (segunda): “Mídia e Sindicalismo: a formação da opinião pública diante da greve de ônibus em Fortaleza”.

Recomendado para você