Varanda Casa Azul

Por que minha startup precisa de marketing digital?

Startups e marketing digital

Bom, pra começo de conversa, qual empresa hoje em dia não precisa de marketing digital, não é mesmo? O problema é que, no mundo das startups, tudo se torna um desafio mais difícil, uma vez que o orçamento é limitado, o time é o mais enxuto possível e o produto pode, ainda, ser tão inovador que não sabemos qual é seu público específico.

Entretanto, as startups precisam encontrar seu público e aumentar suas vendas, além de demonstrar o quão importante são seus produtos para o mundo. O marketing digital, diferente do offline, tem a grande vantagem de ter algumas métricas que ajudam a entender o que funciona e o que não funciona para a sua startup.

Uma questão importante é, se todo mundo faz marketing digital hoje em dia, por que minha startup também precisa disso? Você já ouviu a frase ‘‘quem não é visto não é lembrado’’? Em um mundo onde várias empresas se fazem presentes no meio digital, a sua startup tem chances de aparecer e dependendo da qualidade do que sua empresa produz, se destacar.

Para uma startup, o marketing digital é a forma mais acessível de se mostrar para o cliente, uma vez que, com poucas informações e pouco investimento, podemos trabalhar o público, as mídias sociais, o site e interligar todas as plataformas para gerar tráfego e visibilidade.

Qual o segredo, então? Teste. Ao se basear em algumas premissas do seu modelo de negócio, de quem você quer atrair e de que posicionamento sua startup deve ou quer ter, você começa a estabelecer parâmetros do que deve ser prioridade ao pensar sua estratégia de marketing digital. Assim, os custos podem ser melhor aproveitados e melhor investidos.

Ainda é possível mensurar os resultados desses testes, analisando-os um a um, e focar os investimentos no que traz mais retorno dependendo de qual seja sua intenção. Por exemplo, ao enviar um e-mail marketing, você pode controlar a taxa de abertura, a quantidade de cliques, e assim por diante. Você pode também saber como agir de acordo com o comportamento do seu consumidor: postar um conteúdo em determinado horário no Instagram porque sabe que naquele momento as pessoas interagem mais.

Outro ponto a se considerar é que, ao gerar um conteúdo de qualidade, sua empresa ganha credibilidade, tornando-se autoridade em um assunto. Isso, para um startup que geralmente faz parte de uma fatia do mercado mais ‘‘diferentona’’, dá a oportunidade de tornar-se referência na área e ainda educar seus possíveis clientes sobre seu modelo de negócio.

As redes sociais, ainda, podem ser uma ótima forma de fidelizar seus clientes. Nelas, você pode começar a criar relacionamento e identificação, fatores que fazem seu público ser um grande advogado da sua marca. Se a experiência do seu cliente for boa, cada vez mais ele vai indicar e replicar o seu discurso, te fazendo alcançar mais pessoas.

O marketing digital é um segmento em crescimento no país e em meio às startups, e já demos alguns bons motivos para você usá-lo ao seu favor, não é mesmo? Vale lembrar de criar cada conteúdo apropriado para cada canal e tipos específicos de público. Assim, sua mensagem chegará da forma correta, gerando o que esperamos serem ótimos resultados. Em breve falaremos mais sobre isso. 😉

Recomendado para você