Ancoradouro

Papa disse que cachorros vão para o céu? É mentira! Tudo invenção da imprensa

Veja a que nível  chegou a cobertura de assuntos relacionados ao Papa Francisco. O pontífice falou em um discurso: “A Sagrada Escritura nos ensina que a realização deste projeto maravilhoso também afeta tudo ao nosso redor”. E o que a imprensa publicou? Manchetes do tipo: Papa diz que cachorros vão para o céu e cria polêmica com teólogo.

Folha replicou mentira e não se emendou.

Folha replicou mentira e não se emendou.

Erro grotesco. A primeira notícia sobre o assunto foi publicada no prestigiado The New York Times. O repórter teve a hombridade de corrigir a farsa, coisa que a imprensa brasileira – que apenas copiou e colou – não fez.

O site e-farsa que apurou o caso traz os detalhes:

O repórter explicou que, diferente do que ele havia informado anteriormente, o papa Francisco não havia dito isso para consolar um garotinho triste pela perda de seu cãozinho. Na verdade, a frase aí de cima foi tirada (e distorcida) de audiência geral do papa no Vaticano! O GetReligion explica por que é mentira essa suposta declaração do papa Francisco sobre a alma dos animais e de outras declarações que teriam sido feitas por seus antecessores sobre o assunto.

Conclusão, um repórter mentiu, deturpou as palavras de Francisco, teve seu conteúdo publicado na versão impressa de um dos mais prestigiados jornais do mundo e teve o erro replicado mundo afora em diversas páginas cujo rigor jornalístico parece coisa do passado. 

Para os católicos, alguns amantes dos animais que já estavam comemorando fica a dica, notícia verdadeira sobre assuntos relacionados ao Papa, Vaticano e Igreja Católica se encontram em site oficiais da instituição  e não nestes cujos profissionais não estão preocupados e alinhados com a verdade. 

A notícia na Folha de São Paulo teve mais de 91 mil compartilhamentos e mil retuitadas e nem uma linha sequer contendo a errata da notícia mentirosa. 

Recomendado para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *