Ancoradouro

Rádio Vaticano] Arcebispo de Maringá critica documento da CNBB por não fazer referência à corrupção

322 1

Em entrevista a Rádio Vaticano, nesta quinta-feira, dia 7, o arcebispo de Maringá, Dom Anuar Battisti, falou sobre o papel do leigo na sociedade, tema da 54ª Assembleia Geral dos bispos do Brasil e fez uma critica ao documento  elaborado  pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB sobre a conjuntura nacional. 

dom anuar (1)

Dom Anuar

Dom Anuar observa que o documento é bem redigido, mas em momento algum fala sobre a corrupção. “Falar de uma conjuntura nacional sem apontar a corrupção é uma falha tremenda”, disparou o arcebispo, e completou: “mais de 60 políticos já foram presos, todos por causa de roubo”.

Ao citar o livro do Papa “O nome de Deus é misericórdia”, em que Francisco diferencia corruptos de pecadores – assim como também havia refletido na Casa Santa Marta – o arcebispo disse que vai lutar para que o documento conclusivo dos bispos ao final da Assembleia sobre a conjuntura nacional considere esta distinção, porque a “corrupção está sangrando o Brasil”, informa o noticiário da Rádio Vaticano em seu site.

Com informações da Rádio Vaticano.

Recomendado para você

1 comentário

  • Altamira disse:

    Parabéns Dom Anuar por sua coragem de vim a público criticar a omissão da CNBB frente a real situação do Brasil. Infelizmente a CNBB só está preocupada em defender esse bando de corruptos que estão governando o Brasil. Não estão nem um pouco preocupados com a situação crítica que o povo brasileiro se encontra.
    “A CORRUPÇÃO ESTÁ SANGRANDO O BRASIL.”

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito + 7 =