Blog do Vozão

Vitória 2×2 Ceará – Freguesia mantida

378 73
Ricardinho foi um monstro em campo (Foto: Felipe Oliveira)

Ricardinho foi um monstro em campo (Foto: Felipe Oliveira)

Foi um jogo daqueles que ficará na memória, bom de assistir, bem disputado, digno de duas grandes equipes do Nordeste. Melhor para o Vozão que eliminou mais uma vez o Vitória, mantendo a freguesia e garantido pela segunda vez consecutiva a presença na final da competição.

Se durante a temporada uma das coisas que tem sido cobrado desse time é falta de brio e garra dentro de campo, diante do Vitória, o time aliou a sua já conhecida frieza dentro de campo com a garra e o resultado disso tudo foi uma boa apresentação e a vaga à final.

É em partida desse naipe que a gente mede a capacidade do time, e o Vozão mostrou do que é capaz. Mesmo atuando no campo do adversário, o time não se acovardou, jogou com autoridade, mostrou personalidade, foi melhor em campo e mereceu a classificação.

Ricardinho foi um mostro em campo, Marinho foi decisivo, Luís Carlos foi preciso na hora certa, nossa dupla de zaga reserva passou no teste, mas, não posso deixar de citar a atuação de Sandro Manoel, que tem sido discreto em campo, mas, também, tem sido fundamental. Esse a cada dia se firma na posição e ganha a confiança e a admiração do torcedor do Vozão.

E o que dizer do treinador Silas? Parece que depois que deixou de ouvir a quem não devia, conheceu a verdadeira história do Vozão e passou a pensar e a agir do tamanho da grandeza do Clube. Antes tarde do que nunca, está de parabéns pela coragem e ousadia na partida, que siga sempre assim.

Mais uma dificuldade superada, mais uma missão cumprida. Mas, vencemos apenas uma batalha, que dela tiremos lições de erros e acertos, para que possamos ao final da competição contar a história de forma diferente, dessa vez com um final feliz.

Valeu Vozão! Eu sou é Ceará!!!

Confira abaixo os melhores momentos do jogo.

[youtube]https://youtu.be/YOEt3Z5tc70[/youtube] 

FICHA TÉCNICA

Vitória 2X2 Ceará

Copa do Nordeste – Semifinal – Jogo de volta

Local: Barradão, em Salvador

Data: 11/04/2015

Árbitro: Claudio Francisco Lima e Silva/SE

Auxiliares: Victor Oliveira Cruz/SE e Eric Nunes Costa/SE

Cartões: Nino Paraíba (Vitória); Samuel (Ceará)

Gols: Vitória: Rogério (6 2º tempo) e Ramon (28 2º tempo); Ceará: Marinho (13 2º tempo) e Ricardinho (38 2º tempo)
Público: 11.314
Renda: R$ 135.807,00

Vitória: Fernando Miguel; Romário (Nino Paraíba, 26 2º tempo), Ednei, Ramon e Euller; Amaral, Luiz Gustavo, Jorge Wagner (Escudero, 22 2º tempo) e Vander (Marcelo, 31 2º tempo); Rogério e Neto Baiano. Técnico: Claudinei Oliveira.

Ceará: Luís Carlos, Samuel Xavier (Cametá, 20 2º tempo), Sandro, Carlão, Fernandinho, Sandro Manoel, Uillian Correia (William, 32 2º tempo), Ricardinho, Marinho; Assisinho (Everton, 38 2º tempo) e Magno Alves. Técnico: Silas Pereira.

 Saudações Alvinegras!