Clube da Luta

Renan Barão brilha na defesa do cinturão e desafia: “Dominick Cruz, eu quero você”

Braço erguido mais uma vez - Ainda no octógono Renan Barão deu seu recado: "Dominick Cruz, eu quero você!" (Divulgação / UFC)

Braço erguido mais uma vez – Ainda no octógono Renan Barão deu seu recado: “Dominick Cruz, eu quero você!” (Divulgação / UFC)

Renan Barão colocou mais uma vitória em seu currículo. O nordestino entrou ao som do forró e com seu protetor brilhante. Em todos os rounds, o brasileiro manteve a calma no combate complicado e conseguiu aplicar um katagatame, finalizando Michael McDonald.

Na primeira defesa do potiguar, ele tinha pela frente Michael McDonald, um americano de socos potentes e de excelente boxe.

No primeiro round, o inglês conseguia travar o jogo do brasileiro. McDonald até assustou, após sequência de socos em Barão, mas o brasileiro se recuperou rapidamente e levou a luta para o chão.

Renan tentava colocar seu jogo em prática com chutes altos. No segundo round, o brasuca aplicou um chute rodado, mas ficou no vazio. Barão levou o americano ao chão com um single leg, mas, em seguida, uma pedalada acertou o rosto do brasileiro. O combate caminhava bastante equilibrado até o momento.

Para o terceiro round, o brasileiro sabia que se quisesse continuar na elite do UFC, continuando com seu cinturão, ele precisava ir ao ataque. Não teve outra, Barão foi com tudo e não deu espaço para o gringo. Barão aplicou uma sequência de socos em McDonald e jogou o adversário ao chão outra vez no duelo. Um chute frontal e outro rodado acertaram o americano, mostrando quem era o dono do cinturão.

No quarto round, Renan Barão conseguiu o que os fãs brasileiros esperavam: a vitória. Quando o combate foi para o chão, Renan Barão agiu rápido, surpreendendo Michael McDonald e finalizando-o com um ‘katagatame’.

Após a vitória, Renan Barão desafiou: “Dominick Cruz, eu quero você”.

Recomendado para você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *