Clube da Luta

Vitor Belfort garante: “Chris Weidman será campeão só até 6 de dezembro”

854 1
Belfort disputará o título pela 3ª vez em 4 anos. Foto: UFC / Divulgação

Belfort disputará o título pela 3ª vez em 4 anos. Foto: UFC / Divulgação

O cinturão dos pesos-médios do UFC tem data certa para trocar de mãos. De um americano para um brasileiro. Pelo menos é esse o recado pregado por Victor Belfort, que tratou de pregar o aviso de que o reinado de Chris Weidman como campeão vai durar até o início da luta entre eles, marcada para o fim do ano.

“Estou muito confiante no que conquistei. Tenho a minha família do meu lado e sei quem eu sou, e isso é o mais importante. Eu sou quem eu sou e não peço desculpas, pois leões não pedem desculpas por serem leões. Weidman será o campeão somente até o dia 6 de dezembro, porque nesse dia o meu braço sairá levantado”, cravou Belfort, em entrevista ao jornal oficial “UFC Tonight”.

Apesar do tom provocativo da declaração, o ‘Fenômeno’ exalta as qualidades de Weidman, a quem rotula como um grande ícone da nova geração do MMA.

Weidman e Belfort lutarão em Las Vegas. Foto: Divulgação

Weidman e Belfort lutarão em Las Vegas. Foto: Divulgação

 

“Eu sempre soube que o Chris Weidman tinha o jogo de MMA, ele é a nova geração. Mas eu já enfrentei os melhores, então ele não me impressiona. Quando você entra no octógono, é sempre a mesma selva, o que muda são os animais, que são diferentes. Cada um tem suas habilidades, a sua mentalidade, o seu momento, mas essa é a luta que eu quero. Vai ser muito bom para mim, estou muito feliz”, analisou Belfort, que parte para sua 3ª disputa de cinturão nos últimos quatro anos.

Em 19 anos de carreira, o ‘Fenômeno’ já chegou ao topo do UFC duas vezes, faturando o torneio dos pesados em 1998 e conquistando o cinturão dos meio-pesados em 2004.

O duelo entre Weidman x Belfort está agendado para o UFC 181, que será realizado no Mandalay Bay, em Las Vegas (EUA), no dia 6 de dezembro. Essa será a 3ª defesa de título do americano, que vem de vitórias sobre Anderson Silva e Lyoto Machida.

1 comentário

\

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *