Clube da Luta

Crhis Weidman machuca a mão e luta contra Vitor Belfort é adiada para fevereiro de 2015

Weidman e Belfort lutariam em dezembro. Foto: Divulgação

Weidman e Belfort lutariam em dezembro. Foto: Divulgação

Os fãs de MMA vão ter que esperar mais um pouco para ver o confronto entre Vitor Belfort x Chris Weidman. O americano, que detém o cinturão dos pesos-médios do UFC, sofreu uma lesão na mão durante os treinos e o combate que estava marcado para o dia 6 de dezembro, no UFC 181, em Las Vegas, foi adiado. A informação foi revelada por Belfort, em mensagem postada nesta segunda-feira (22) em suas redes sociais.

“Acabo de receber a notícia que o Chris Weidman quebrou a mão e nossa luta será adiada, ao que tudo indica, para fevereiro. A gente não entende o modo de Deus agir, e quando pensamos que entendemos, Ele vem e nos mostra que não é nada daquilo que pensamos… Deus muda a trajetória dos nossos planos para sempre nos colocar em algo melhor ou nos preparar para algo melhor… Acredito que Deus é quem sabe o que é melhor para o nosso futuro e sempre nos reserva o melhor. “As pessoas podem fazer seus planos, porém é o Senhor quem dá a última palavra.” Prov. 16:1 Minha luta ficou mais distante, mas o treino e o foco continuam!”, postou Belfort.

O presidente do UFC, Dana White, confirmou que a luta foi adiada para fevereiro de 2015, ainda sem dia definido. Para o lugar de Weidman x Belfort, o Ultimate agendou a revanche entre Johny Hendricks e Robbie Lawler, pelo cinturão dos pesos-meio-médios, como nova atração do UFC 181.

Belfort aguarda pela oportunidade de disputar o título desde que nocauteou Dan Henderson em sua última, em novembro do ano passado, completando uma série de três vitórias consecutivas no Ultimate.

O duelo entre Weidman x Belfort chegou a ser marcado para maio desse ano, como luta principal do UFC 173, contudo, após a abolição da terapia de reposição de testosterona (TRT), do qual Belfort era adepto, acabou tirando o ‘Fenômeno’ da disputa, para que se adaptasse à nova medida. Em agosto, logo após Weidman enfrentar e vencer Lyoto Machida, combate contra Belfort foi remarcado para 6 de dezembro.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *