Clube da Luta

Jovens karatecas cearenses pedem apoio para disputar Campeonato Brasileiro em Foz do Iguaçu

Da esq. para dir.: Laís Nobre (campeã do ranking e bicampeã Cearense), mestre Ronier Gonçalves e Leidijane Castro (campeã Cearense) | Foto: Tatiana Fortes/O POVO

Da esq. para dir.: Laís Nobre (campeã do ranking e bicampeã Cearense), mestre Ronier Gonçalves e Leidijane Castro (campeã Cearense) | Foto: Tatiana Fortes/O POVO

Crianças e adolescentes da equipe Club Dinamic, localizada no bairro Planalto Ayrton Senna, superaram dificuldades e garantiram vagas no ranking classificatório para o Campeonato Brasileiro de Karatê, que será realizado em Foz do Iguaçu, no Paraná, entre os dias 23 e 26 de abril. Apesar da classificação, a participação dos atletas está ameaçada pelo alto custo da viagem. Por isso, professores e alunos se uniram para arrecadar dinheiro e assegurar a ida do time.

Com mais de 10 anos desenvolvendo o trabalho na Dinamic, os professores Ronier Gonçalves, Lineto Leal e Adilson Macedo têm conquistado ótimos resultados nos campeonatos de karatê. O time – que conta com mais de 90 alunos – classificou 15 atletas para o Brasileiro. Segundo o mestre Ronier, o custo total para garantir a ida dos karatecas é, aproximadamente, 17 mil.

Sem patrocínios, a equipe está fazendo campanha em cruzamentos da cidade, como na avenida Antônio Sales com av. Desembargador Moreira, onde aproveitam para informar motoristas sobre a situação e pedir apoio. “Começamos vendendo biscoito no sinal. Percebemos que as pessoas tinham mais vontade de ajudar com dinheiro do que com a compra do biscoito. Então, fizemos uma faixa. Conseguimos inscrever dois atletas já. Mas falta muito, e estamos continuando o trabalho, esperamos que dê certo. As vezes, as pessoas acham que o pouco com que estão ajudando não vai dar. Mas o pouco juntando de pedacinho em pedacinho é sempre bem-vindo.”, conta Ronier.

O professor explica que os cinco primeiros colocados do ranking Federação Cearense de Karatê (FCK), de cada categoria, estão automaticamente classificados para o Campeonato Brasileiro, realizado pela Confederação Brasileira de Karatê. A pontuação dos karatecas é feita a partir dos desempenhos nos torneios estaduais.

“A gente trabalha com Karatê e, a maioria – temos mais de 90 alunos – é de periferia. Muitos não possuem condição de pagar mensalidade, outros são de projetos. Realmente, são crianças carentes, mas crianças bastante determinadas. Estamos trabalhando com isso há mais de 10 anos. Essas crianças são empenhadas e começam a se destacar e querem lutar em eventos maiores. Porém, isso tem um custo alto. Todos os anos, conseguimos colocar atletas na Seleção Cearense de Karatê, mas dificilmente conseguimos mandar todos para esses campeonatos”, conta Ronier.

[dailymotion]http://www.dailymotion.com/video/x2lbero_professor-de-karate-pede-apoio-para-equipe-participar-do-campeonato-brasileiro_sport[/dailymotion]

Talentos
Até o momento, a equipe garantiu verba para viabilizar a ida de apenas duas atletas para a disputa do Campeonato Brasileiro. São elas: Laís Nobre, 9 anos, campeã do Campeonato Cearense e bicampeã do ranking (título para quem vence mais torneios durante o ano), na categoria mirim; e Leidijane Castro, 13 anos, campeã do Campeonato Cearense, na divisão infantil.

Laís e Leidijane são as únicas, até agora, com participação garantida no Brasileiro | Foto: Tatiana Fortes/O POVO

Laís e Leidijane são as únicas, até agora, com participação garantida no Brasileiro | Foto: Tatiana Fortes/O POVO

“Karatê é o que mais gosto. Tudo começou na minha escola, quando comecei a treinar e, depois, a competir. Fui aumentando meu nível e, hoje, sou campeã Cearense e estou classificada para o Brasileiro. Estou com a expectativa de ganhar e trazer essa medalha de ouro”, disse Leidi.

Grande aposta da equipe, a pequena Laís deixou o balé para ingressar no karatê e causou surpresa na mãe, Rafaelle Moura. “Para mim foi surpreendente. Ela fazia balé e pediu para fazer katarê, e deixei. Depois, ela pediu para competir e foi outra surpresa, porque tem o medo de bater, de apanhar. Mas com um tempo, ela foi ganhando, ganhando e ganhando. Não teve mais como segurar, participou de Campeonatos Regionais, foi para o Brasileiro. Nesse ano, vamos trazer uma medalha!”, conta Rafaelle.

A dupla de karatecas roubou a cena no jardim da sede do jornal O POVO, onde apresentou um kata ao comando do mestre Ronier e chamou a atenção de quem passava pelo local. Veja a apresentação de Laís e Leidijane:

[dailymotion]http://www.dailymotion.com/video/x2lbfdb_karatecas-cearenses-classificadas-para-o-campeonato-brasileiro-exibem-kata-na-sede-do-o-povo_sport[/dailymotion]

Saiba como apoiar
Interessados em ajudar podem ligar para 87357181 (Ronier Gonçalves) | Endereço da Club Dinamic: rua José Augusto de Oliveira, 428 – Planalto Ayrton Senna

Recomendado para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *