Clube da Luta

TUF Brasil 4: cearenses Marcos Maju e Arlen Benks são eliminados, mas deixam boa impressão

353 1
Maju lutava por uma vaga entre os pesos-galos. Foto: Reprodução TV

Maju lutava por uma vaga entre os pesos-galos. Foto: Reprodução TV

O segundo episódio do The Ultimate Fighter (TUF) Brasil, exibido na madrugada dessa segunda-feira, apresentou as luta dos dois cearenses selecionados para competirem por um lugar na casa do TUF. Marcos Maju e Arlen Benks acabaram perdendo suas lutas e, com isso, ficaram de fora do reality show, que já tem os seus 16 participantes divididos em dois times, liderados pelos técnicos Anderson Silva e Maurício Shogun.

Conheça o cartel de cada lutador do TUF Brasil 4

Marcos ‘Maju’ foi o primeiro a entrar em ação. O atleta da equipe Dragon Fight/Nova União travou uma verdadeira batalha contra o carioca Matheus Adamas. A luta se desenvolveu em pé, com muita trocação. Maju mostrou resistência nos primeiros minutos e suportou firme às combinações de boxe aplicadas pelo carioca. Até que no 2° round o cearense acusou um golpe na linha de cintura e terminou sofrendo um nocaute técnico.

Apesar do revés, o cearense saiu em alta do combate. O episódio mostrou o presidente do UFC, Dana White, impressionado com o desempenho de Maju, que foi cumprimentado pessoalmente pelo chefão do UFC. Em seguida, Dana White se dirigiu a um dos matchmakers do UFC, Sean Shelby, para falar do cearense. “Se eu precisar de uma substituição na casa, eu gostaria que esse garoto voltasse. Ele aguentou uma boas porradas”, disparou o dirigente.

Em seu depoimento após a luta, Maju apareceu emocionado, lamentando o resultado e pedindo uma nova chance. “Eu não mostrei metade do meu talento. Espero ter outra oportunidade de mostrar o que sou capaz de fazer”, disse o atleta que lutava por uma vaga na divisão dos pesos-galos.

Logo após a luta de Maju foi exibido o combate de Arlen Benks. O cearense, que representa a equipe V8, enfrentou o pernambucano Jack Godzilla. No primeiro round, vitória clara de Arlen, que dominou a luta no chão, conseguindo boas posições e encaixando uma chave de braço, em dois momentos.

Atleta da V8, Arlen lutava por uma vaga nos pesos-leves. Foto: Reprodução TV

Atleta da V8, Arlen lutava por uma vaga nos pesos-leves. Foto: Reprodução TV

Por muito pouco a vitória não veio por finalização. No 2° round, o pernambucano voltou mais agressivo e, ao conseguir colocar o cearense pra baixo, chegou à vitória com um katagatame. Fim da linha para o Arlen Benks, que lutava por uma chance na categoria peso-leve.

Apesar de verem o sonho de ingressar no UFC ser adiado, os dois cearenses caíram de pé e mostraram potencial para, quem sabe, receber um chamado do Ultimate em breve.

O BLOG CLUBE DA LUTA ENTREVISTOU OS DOIS LUTADORES, QUE FALARAM DA EXPERIÊNCIA DE PARTICIPAR DO TUF BRASIL 4. CONFIRA OS VÍDEOS!

> Entrevista com Marcos Maju

> Entrevista com Arlen Benks 

Recomendado para você

1 comentário

\

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *