Clube da Luta

Cearense Caio Monstro luta neste domingo em sua busca de sua 5ª vitória seguida no UFC

550 1
Caio Monstro está pronto para lutar em pé e no chão. Foto: Tatiana Fortes/O POVO

Caio Monstro está pronto para lutar em pé e no chão. Foto: Tatiana Fortes/O POVO

Três lutadores brasileiros atuam neste domingo no TUF 21 Finale, nos Estados Unidos: o cearense Caio “Monstro” Magalhães, Cézar Mutante e o finalista da edição 21, Vicente Luque.

Caio vem de sequência de quatro vitórias seguidas, sendo duas em 2013 e duas em 2014. O cearense faz neste domingo, contra o americano Josh Samman, a sua primeira luta no ano e está empolgado, não apenas pelos resultados, mas pela sua evolução nos treinos: o faixa preta de jiu-jitsu vem se destacando também na trocação e derrotando adversários rapidamente e por nocaute. Foi assim nas últimas duas lutas, quando ‘Monstro’ venceu Trevor Smith e Luke Zachrich ainda no primeiro round.

Adversário do cearense, Josh Samman também atravessa um bom momento, com três vitórias seguidas, mas é menos experiente e faz apenas a sua terceira luta em um evento do UFC. A luta acontece no card preliminar.

Em conversa com o blog Clube da Luta, o cearense destacou a boa preparação que teve teve, treinando ao lado de Glover Teixeira, nos Estados Unidos. “Tudo foi ótimo. Um dos melhores camps que fiz. Tô pronto pra sair na porrada e levar mais essa vitória pro Ceará e para o Brasil”, comentou Caio, que revelou ainda ter estudado bem o estilo de jogo do adversário. Mas advertiu: está pronto para tudo no combate.

“Estudei ele. Mas luta é isso: a gente vê os pontos fracos do cara e trabalha em cima disso. Importante é o treino que a gente passou pra chegar até aqui”, frisou.

MUTANTE E A REABILITAÇÃO

No card principal do evento, Cézar Mutante busca recuperação no UFC após derrota para Sam Alvey, em fevereiro deste ano. O lutador resolveu descer de categoria e neste domingo estreia nos meio-médios. Já Vicente Luque mede forças com Michael Graves.

1 comentário

  • Miguel Pontes disse:

    Poxa o Caio entrou com muita cautela nessa luta. Nem parecia tanto aquele estilo pra frente que ele tem. Quando ia consertar a tática foi surpreendido e finalizado. Uma pena. Mas vai se recuperar!

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *