Clube da Luta

VÍDEO: após luta no Limo Fight, Cristovão Índio anuncia aposentadoria do MMA; atleta explica a decisão

Cristovão Índio deixa o MMA após 12 lutas profissionais. Foto: Bruno Balacó/O POVO

Cristovão Índio deixa o MMA após 12 lutas profissionais. Foto: Bruno Balacó/O POVO

O duelo contra Marcos Forever, na 17ª edição do Limo Fight Championship, foi o último de Cristovão Índio Baliero em um octógono. Um dia após o evento, o lutador, que é amazonense de nascimento e está radicado no Ceará há 15 anos, anunciou sua aposentadoria como lutador de MMA.

E não foi a derrota, por nocaute técnico, no combate da última sexta-feira (29), que pesou na decisão do atleta. Ele garante que já subiu para lutar com a certeza de aquela seria sua última apresentação no esporte. A sequência de lesões é que foram, segundo ele, a gota d’água para o ponto final como atleta de artes marciais mistas.

A última delas justamente no meio do combate contra Forever, em que acabou fraturando o tornozelo-talus da perna direita. Aos 33 anos, com 12 lutas profissionais, sendo 9 vitórias e 3 derrotas, ele resolveu dar uma basta no MMA.

Raio-x confirmando a lesão no tornozelo, após a luta no Limo Fight. Foto: Arquivo Pessoal

Raio-x confirmando a lesão no tornozelo, após a luta no Limo Fight. Foto: Arquivo Pessoal

Em entrevista ao blog Clube da Luta, Cristovão – que é atleta do professor Jefferson Teixeira, da equipe Gracie Barra/Sul – deu detalhes de sua decisão de aposentadoria do MMA, relembrou as dificuldades e  falou ainda de seus planos no esporte. Confira o bate-papo:

[youtube]https://youtu.be/XmY3TO0Hy2E[/youtube]

Confira os melhores momentos da última luta da carreira de Cristovão Índio:

[youtube]https://youtu.be/Z1FaEEMykHk[/youtube]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *