Corremah!

Era para ser “apenas uma quarentena”, mas já ultrapassamos a marca de 100 dias de isolamento social. Até quando iremos?

0 6

Fortaleza, 09/07/2020 – Quando fomos surpreendidos com o anúncio do primeiro decreto governamental cearense em março, achávamos que ficaríamos em isolamento social por pouco tempo, no entanto, dias, semanas e meses estão passando rápido, e já chegamos ao mês de julho, com mais de 100 dias com restrições em nossas atividades.

Neste longo período, as incertezas só aumentam, principalmente com a pressão social, econômica e política que nossos governantes carregam nos ombros. Por sua vez, a flexibilização de atividades passam uma perigosa sensação de normalidade, enquanto os casos da Covid-19 continuam crescentes, não somente no Brasil.

Com relação ao nosso esporte – corridas de rua, em condições normais, muitos de nós corredores já tínhamos concluído pelo menos 10 corridas em 2020 até agora, isso sem falarmos dos nossos treinamentos regulares, que na maioria das vezes são feitos de forma coletiva.

Mas como estamos vivendo um ano atípico na história da humanidade, as nossas corridas de rua estão em stand by no momento, só aguardando a hora do retorno com as devidas medidas de segurança estabelecidas pela OMS (Organização Mundial da Saúde), e demais autoridades locais.

Portanto, estamos sem as nossas corridas de rua hoje, mas já podemos realizar os nossos treinos individuais fora de casa – ao ar livre, sempre utilizando máscaras e evitando aglomerações.

No caso de assessorias esportivas, a aglomeração habitual de alunos deve ser evitada, e algumas medidas emergências podem ajudar nos encontros:

1. Utilização de aplicativos para repassar treinos e tirar dúvidas;

2. Disponibilização de pelo menos um ponto de álcool gel nos treinos;

3. Não utilizar tendas, guarda objetos, ou garrafões com água;

4. Higienizar objetos compartilhados: colchonetes, tatames, bolas, macas, etc…

5. Caso haja a necessidade de formar grupos para exercícios educativos, os mesmos devem ter no máximo 5 pessoas, mantendo um distanciamento entre alunos;

6. Sempre utilizar máscaras.

7. Realizar corridas individuais.

8. Evitar abraços, apertos de mão, etc…

 

Para aqueles que não fazem parte de uma assessoria esportiva, procurem correr de forma individual em ruas próximas de sua residência, e realizem exercícios complementares em casa. O importante é não ficar parado. Revejam alguns vídeos da nossa série, Treinando em Casa – YouTube:

1. Primeiro vídeo > Treinando em Casa, link…

2. Segundo vídeo > Treinando em Casa, link…

3. Terceiro vídeo > Treinando em Casa, link…

4. Quarto vídeo > Treinando em Casa, link…

 

Lembrem-se: Estamos diante de um inimigo invisível, e por enquanto, o único remédio que temos é a prevenção!

Acompanhem as nossas publicações, www.portaldocorredor.com.br

Inscrevam-se em nosso Canal YouTube – Portal do Corredor, www.youtube.com/user/portaldocorredor

 

OBS: Infelizmente, comentários e views não estão sendo exibidos por problemas técnicos.

 

Recomendado para você

6 Comentários

  • Renne Mazza disse:

    Muito boa as explicações que nos ajudam a estarmos atentos a todos os detalhes evitando assim o contágio

    • Felix Luis disse:

      Prof. Renne, muito obrigado pelo contato prévio. Essas informações são repetitivas, mas não podemos deixar de divulgar, muitas pessoas – e até mesmo governantes, ainda estão ignorando a Covid-19, infelizmente.

  • Francisco da Silva Souza disse:

    Ótima matéria sobre o assunto da vez em todo o mundo, o isolamento social para impedir e combater um inimigo invisível e tão letal para o ser humano. E com o isolamento social, veio o cancelamento e adiamento de muitas corridas de rua, e isso tivemos que nos adaptar e treinar em casa. Parabéns pela matéria!!

  • Anderson Monteiro disse:

    Excelente matéria.
    Torcemos que todos praticam a Auto RESPONSABILIDADE.

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 − seis =