Discografia

Maria Rita prepara shows em homenagem a Elis

816 5

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=DWi5oHvjRV8[/youtube]

Como já seria de se esperar, Maria Rita está preparando uma homenagem à mãe, para 2012. Serão cinco shows gratuitos, passando por Rio de Janeiro, São Paulo, Porto Alegre, Belo Horizonte e Recife, para celebrar os 30 anos de morte de Elis Regina. O repertório será todo selecionado pela própria Maria Rita. As apresentações são parte de um grande projeto de resgate da história da maior estrela do Brasil, batizado de Redescobrindo Elis, que vai incluir livro, site, documentário, exposição e discos. A grande homenagem está sendo encabeçada por João Marcello Bôscoli, irmão de Maria Rita por parte de mãe, com patrocínio da Lei de Incentivo à Cultura (o valor total será de R$5,8 milhões). Por enquanto, não há perspectiva dos shows serem lançados em CD ou DVD. “Quem viu viu, Quem não viu perdeu”, diz impiedosamente João Marcello. Segundo Maria Rita, seus planos agora são de selecionar as canções para seu próximo disco. Algo me diz que os planos vão mudar…

5 Comentários

  • Kamillo Silva disse:

    Maria Rita é uma intérprete que conseguiu crescer sob o nome da mãe, sobressaindo-se muito bem diante das comparações ou até mesmo das pressões vividas por que é nada menos que filha de Elis Regina. Ela tem uma carreira própria que nunca precisou da sombra familiar. Agora, depois do terceiro disco, cantar os sucesso da mãe só irá estabelecê-la ainda mais no cenário artístico nacional.

  • mauro regis disse:

    É uma omenagem inesquesível ,porém é pena que todos os estados brasileros não possa ter a honra de ver e ouvir a interpretação reencanada de Elis.
    Lamento por não ter dinheiro suficiente para fazer parte desta seleção

  • Maria Lucia Regis disse:

    Porque não fazer o show também em Fortaleza, eu iria amar, pois sou uma eterna fã da Elis, amo tudo que está relacionado a ela.

  • César Moreira disse:

    A edição alternada nos permite constatar o quanto Elis é inigualável. Visceral na sua interpretação. Precisa na pausa e ao sublinhar frases e palavras essenciais. Senhora do palco. Detentora de um pleno domínio de graves, médios e agudos passeia por eles numa modulação apaixonante. Maria Rita tem um longo caminho a trilhar, e já o percorre independentemente. Tão brilhante quanto aquela de quem veio – tem sempre a alegria à mão – e esquiva-se de um mergulho que derivou a uma insatisfação irremediável. Pena que assim tenha sido.

  • shelton disse:

    Fortaleza como sempre fora do eixo, e dá-lhe Forró.

    Taí o que vocês queriam, financiando essa quadrilha organizada que é o Forró eletrônico, perdemos isso e muito mais, sabe o que eu acho disso: É pouco!

    ///

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.