Discografia

Músico mineiro faz homenagem a Mallu Magalhães

1073 2

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=RnDz5YG9uVQ[/youtube]

A seguir, transcrevo as palavras do músico Juarezmenddes sobre seu trabalho. Acompanhem:

Sou Juarezmenddes de Belo Horizonte, Minas Gerais. Canto, componho e edito meus vídeos. Após um longo período de exercícios para normalizar a coordenação motora do meu braço esquerdo, em fevereiro de 2008, fiz minha primeira postagem no Youtube cantando Terra  e Qualquer coisa de Caetano Veloso,
dando continuidade com canções autorais. Como Libertando asas, Uma canção para Isabela, Do princípio ao final, SOS Criança e São Paulo de Sampa, inspirada em Sampa, de Caetano Veloso.  Em janeiro de 2011 idealizei o Projeto Michelangelo-2011-DJM. com postagem de mais de 15 vídeos, entre eles uma canção para Banda Pé Preto, de Candeias, Pernambuco, tambem para  Caetano Veloso, Marimoon, Titi Müller, Carol Sanches e Michael Jackson. Nesse pacote de vídeos postados,
duas canções são muito especiais pra mim: Lua setembro 22 e Onde está você?.
Esta nova fase de Mallu Magalhães me encantou profundamente, ao ouvir Velha e Louca, não resisti a ideia de cantar esta canção. Mas foi Sambinha bom que me inspirou a fazer Mallu Magalhães a canção. Na época que a escrevi, estava intensamente envolvido com o Projeto Estrela 2034*. Assim que o terminei pude gravar e editar o  vídeo de Mallu… Meu canal no YOUTUBE tem mais de 50 vídeos, incluindo várias canções autorais. Uma das minhas canções, que eu adoraria ouvir na voz de Mallu, é Acordes da vida quem sabe um dia isso se realize (risos). Um grande abraço a todos!)

Veja mais sobre Juarezmenddes pelo Facebook e pelo Youtube

2 Comentários

  • Juarezmenddes disse:

    Muito obrigado! Marcos Sampaio pela sua atenção e gentileza, não esperava algo assim. Agradeço de coração e de alma, que Deus esteja sempre em seu caminho. Um grande abraço!!!

  • vania campos disse:

    Marcos Sampaio, obrigada por divulgar o trabalho do Juarez!!
    Há muito acompanho o trabalho dele. Sei e sinto n’alma o quanto ele sofre por não conseguir “um lugar ao Sol”, pois a sua trajetória sempre foi muito sofrida. Tal poesia, sensibilidade e inteligência não lhe passaram despercebidas, porque, tenho certeza, você compreende o que é a criação de uma boa música. Fiquei muito feliz com a apresentação de Juarez e mais ainda por entender que pessoas sensíveis e talentosas como você o apoiam nessa difícil trajetória de ser um verdadeiro artista da letra e da boa música, seguindo em direção à cultura que esse país merece!! Saudações e… viva a cultura!! Vânia Campos

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.