Discografia

Guilherme Arantes lança single de disco previsto para 2021; ouça aqui

Foto: Marcia Gonzalez/ Dovulgação

Um dos grandes hitmakers brasileiros desde os anos 1980, Guilherme Arantes trocou a corrida pelas cabeças das listas das mais ouvidas por um novo ritmo. Trocou São Paulo pela Bahia, montou um estúdio, enxugou a agenda de shows e não perdeu o brilho dos olhos. Segue fazendo música com sua assinatura, atento à qualidade e focado no que lhe dá prazer.

Tanto que foram anos sem músicas inéditas, até que ele lançou em 2013 o disco Condição Humana, cheio de críticas, opiniões e algumas pitadas do que se espera de um disco deste paulistano. Agora, em 2021, um novo disco está previsto e o primeiro single já está disponível nas plataformas digitais. E os primeiros segundos da faixa, com aquele som de teclado, já entregam que é Guilherme Arantes que tá ali.

Nossa Imensidão a dois foi composta para um disco de Wanderléa, que acabou não saindo. Encomendada pelo produtor Marcus Preto, a faixa ficou registrada num vídeo guardado no facebook  de Guilherme num versão demo de piano e voz.

A nova versão turbinada conta com arranjos de cordas de Guilherme com Cassio Poletto (violinos), Alexandre Blanc (guitarra semiacústica), Willy Verdaguer (baixo) e Gabriel Martini (bateria). E o piano que ele toca é o Steinway D Hamburgo da sala sinfônica do Centro de Exposições e Congressos Lienzo Norte, em Ávila, Espanha.

Confira a letra de Nossa Imensidão a dois:

É só conforto
tudo que há nas memórias que eu buscar
lá no fundo as histórias nem são
tão perfeitas como hoje parecem se cristalizar
num caleidoscópio de ilusão
Nunca foi simples
no retrato precário que ficou
tão borrado de lágrima e suor
nenhum atalho nem elevador pra se pegar…
Além da maciez da sua mão…
Eu te amo
Eu te abraço em nossa imensidão a dois
transpiração do aroma de uma paz…
Eu te amo
Eu te abraço na transmutação do caos…
Transpiração do aroma de uma paz…

Vida tão íngreme
cordas, grampos e pedras pra espetar
cruz de pregos nos pés a nos prender
destroços de naufrágios boiam pra nos apegar
Que eu nem sei como eu cheguei aqui…
O lema de hoje:
Quero mais do que nunca dar valor
Mais do que todo sempre eu vejo
nosso amor como uma construção de engenho e arte…
Pra além da inspiração, eu te amo…
Eu te abraço em nossa imensidão a dois
transpiração do aroma de uma paz…
Eu te amo
Eu te abraço na transmutação do caos…
Transpiração do aroma de uma paz…
Eu te amo…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.