Fisioterapia & Saúde

“Ter filhos em duas rodas”

220 2

 Tive a oportunidade de conhecer algumas instituições ligadas diretamente aos cadeirantes   de Fortaleza, quando coordenador de curso de Fisioterapia, na época  eles mostravam números impressionantes,  quase oitenta mil pessoas necessitavam de cadeiras de rodas em Fortaleza,  dessa forma lancei um desafio aos meus alunos, fazer um passei pela cidade, lógico de forma diferente em cadeiras de rodas,  a ABCR nos cedeu essas cadeiras, constatamos a falta de infra estrutura em nossa cidade a esses indivíduos  com esse tipo de necessidade especial, passamos a manhã no centro da cidade, no período da  tarde fomos a um dos nossos shopping e esse foi aprovado quanto a acessibilidade, nesse caso foi o Iguatemi, sendo assim desconheço essa questão em outros, mas acredito que possuam em suas estruturas acessos aos que precisam de cadeiras de rodas. Esse assunto agora vem a tona na novela  “Viver a Vida” e hoje matéria da época mostra a possibilidade e desafios  da maternidade  de quem  precisa de cadeiras de rodas para se locomover.

Veja Matéria:

Essa população quase invisível namora, casa e tem filhos. As histórias desta reportagem são sobre mulheres “anônimas” que vivem a gravidez e a maternidade com seus medos e suas vitórias. Flávia, Tatiana, Ekaterini e Marcela simplesmente enfrentam o cotidiano, como grávidas e como mães. Mas será que as grávidas e as mães em cadeiras de rodas não questionam sua própria capacidade de cuidar dos filhos? Elas não estariam sujeitas, em grau muito maior, às aflições e aos pavores que cercam a gravidez e a maternidade?

Veja Mais:    http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/1,,EMI122912-15228,00.html

2 Comentários

  • tatiana rolim disse:

    sou uma das anonimas citadas na materia da revista epoca TATIANA ROLIm , e gostaria de me colocar frente ao questionamento levantadas na materia.Como mae, mulher e sendo cadeirante, minha preocupação nao se restringe as minhas limitaçoes motoras, tanto que resultou numa nova obra Rodas de mamae, a ser poublcado em breve, como continuacao da primeira obra Meu Andar Sobre Rodas.
    deixo contato e agradecimento pela oportunidade
    e desejo que todas as mulheres independemente de serem ou nao cadeirantes, vivam amternidade, a gestacao sem medos e tabus !!

  • Hey there! Do you know if they make any plugins to protect against hackers? I’m kinda paranoid about losing everything I’ve worked hard on. Any tips?|

\

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *