Fisioterapia & Saúde

Conselho de Fisioterapia Repudia Ação do Conselho de Educação Física.

187 4

O presidente do Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional do RS, Dr. Alexandre Doval, manifestou hoje, em nome de todo o Plenário que compõe CREFITO5, o seu repúdio pela ação promovida pelo Conselho Regional de Educação Física do Rio Grande do Sul.

Em procedimento rotulado de ação fiscalizatória, realizado na última quarta-feira, o CREF-RS ao que tudo evidentemente indica, simulou uma situação em que seu presidente, Eduardo Merino, era atendido em uma clínica de fisioterapia de Porto Alegre, por uma profissional Fisioterapeuta, onde logo após o início do atendimento, agentes ficais do CREFRS invadiram e ocuparam o local para autuá-la, por exercício ilegal da profissão.

O CREFITO5, em princípio, a priori e neste especial momento, vem manifestar entendimento, que não é através de atos ou ações simuladas que a fiscalização – motivação principal de todos os Conselhos Profissionais -, deve ser promovida. Além disso, o CREFITO-5, em estreita obediência aos ditames Constitucionais, defende ser imprescindível o respeito, no que concerne a atuação e a formação profissional de todos aqueles que legalmente atuam na área da saúde.

CREFITO5 e CREF-RS já foram parceiros em diversas causas, sempre atuando com os mesmos objetivos: valorização do exercício legal das profissões, incentivo às ações preventivas na área da saúde, em defesa da inserção de seus profissionais em políticas públicas de saúde que pautem suas ações na atenção básica, entre outras tantas lutas. Estranha-se, nesse sentido a forma como foi conduzida a ação e o fato de envolver o presidente do CREF-RS, em ato que se mostra, evidentemente, simulado.

Devido a esse fato, o CREFITO5, preliminarmente, reforça a toda a sociedade que está à disposição para qualquer esclarecimento, dúvida ou sugestão. Outrossim, queremos enfatizar que pós a devida apuração e elucidação dos fatos, havidos, serão encaminhadas as medidas jurídicas cabíveis. O presidente do Crefito-5, ressalta e enfatiza, que não há necessidade de criar-se alarde em torno do fato. “Temos nosso Departamento de Fiscalização à disposição de todos. Nosso principal objetivo é promover e zelar pela saúde dos cidadãos e isso nós fazemos eticamente, através de visitas fiscais que tem como objetivo principal a orientação e não apenas a ação punitiva”, explica Doval.

Ação de fiscalização – É importante que todos os profissionais Fisioterapeutas e Terapeutas Ocupacionais tenham claro que sua atuação profissional só pode ser fiscalizada pelo CREFITO-5.

Fonte: CREFITO 5