Fisioterapia & Saúde

A importância da fisioterapia na reta final do Campeonato Brasileiro

178 1

“O Campeonato Brasileiro está prestes a terminar e o desgaste dos jogadores é algo que mais preocupa o departamento médico, ainda mais na reta final”

Marwan Lopes*

Ao longo do ano, os jogadores vêm se desgastando tanto na pré-temporada quanto em viagens, o que aumenta ainda mais o risco.  Por isso a preocupação do departamento médico quanto às lesões que os atletas, ainda mais na reta final do Campeonato Brasileiro. Mas qual a importância fisioterapia nesse período decisivo?

A atividade é fundamental em qualquer modalidade esportiva e no futebol de alto nível. E a presença de um fisioterapeuta atuando dentro do clube se torna essencial.

Os atletas são alvo problemas médicos, sejam eles musculares, ligamentares, ou de outro tipo, pois atuam nos seus limites fisiológicos, ainda mais quando estão em final de competição: ali são exigidos ainda mais para que possam alcançar as vitórias.

Um exemplo é Adriano, jogador do Corinthians, que ao sofrer uma ruptura do tendão do calcâneo do pé esquerdo ficou afastado por 192 dias se recuperando, e mesmo assim não conseguiu voltar a atuar no mesmo nível de antes de sofrer a lesão, desfalcando o seu time no campeonato.

Outro exemplo é o jogador do São Paulo, Luis Fabiano, que sofreu uma lesão crônica no joelho direito e ficou cerca de 187 dias para voltar a atuar, seguindo o mesmo passo de Adriano – não retornou a jogar o seu futebol de alto nível.

Os times do Brasileirão já têm em seus elencos um número grande de jogadores, pois sabem que as lesões no decorrer do campeonato é uma realidade. As “peças de reposição” servem para que não se prejudique o trabalho projetado ao longo do ano.

Quando um jogador sofre uma lesão muscular, por exemplo, ele pode a ficar afastado cerca de quatro semanas. Se pensarmos que normalmente há dois jogos por semana, o atleta pode perder oito jogos – um número alto para um time que está lutando para conquistar um título ou para fugir do rebaixamento.

A fisioterapia esportiva atua para minimizar o tempo de recuperação do atleta. Por isso esse profissional é membro fundamental em uma comissão técnica: quanto menos tempo o jogador permanecer no departamento médico, melhor para o clube e para o próprio jogador.

*http://marwanfisio.blogspot.com