Fora da Ordem

Leonardo Mendes evoca ancestralidade em single que antecipa primeiro álbum autoral

(Foto: Marina Decourt)

O cantor, compositor e instrumentista baiano Leonardo Mendes está pronto para lançar seu primeiro álbum autoral. Antecipando o disco, ele soltou o single “Nó na Garganta“. Música composta em parceria com o irmão João Mendes e o Mestre Sapobemba evoca tradição e ancestralidade.

“Justiça, meu pai, justiça / Justiça, meu pai Xangô / Aqui o reverencio / Kaôkabi ê silê Axé kaô”, canta Leonardo Mendes em refrão potente que aponta os caminhos sonoros que devem ser ouvidos no disco porvir. Candomblé, maculelê e samba de roda são referências perceptíveis ao longo da canção.

“Esse registro levanta questões extremamente importantes e que estão sendo discutidas ao redor do mundo, mas, na minha opinião, boa parte delas já deveriam estar resolvidas. Parecem anacrônicas as notícias que vemos. Mas é hoje, agora, a cada instante”, explica o artista, que já tocou com Nando Reis, Gal Costa e Margareth Menezes, além do pai, Roberto Mendes.

Leonardo Mendes antecipa que o momento politico foi o principal fio condutor do trabalho autoral. “Quando vi o País dividido e os movimentos de extrema direita crescendo, bateu o desespero”, continua o músico natural de Santo Amaro da Purificação, cidade do Recôncavo Baiano.

Ele completa: “Tudo de mais terrível estava sendo amplificado: o racismo, o genocídio nas favelas, a homofobia, a discriminação religiosa, o fascismo, o feminicídio. Aquele nó na garganta veio e, dele, nasceu esse grito”. O artista pretende lançar outros singles ao longo do ano. O álbum ainda não teve a data de lançamento divulgada.

Recomendado para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois + 5 =