Homem etc

Entre Rapazes por Thiago Silva

 

MARCAS DO QUE SE FOI: 3 COISAS QUE NENHUM GAY MERECE EM 2015

1

A primeira edição da coluna “Entre Rapazes” de 2015 veio ainda com cheiro de espumante, vestida de braco e com muitas vibrações positivas para os próximos doze meses. Por isso resolvemos listar três coisas que devemos evitar, e outras que esperamos não ver durante longo período que está chegando. Um brinde a vida e a liberdade!

1. MENOS TRANFOBIA

Hoje lí a notícia de uma jovem transsexual americana de 17 anos chamada Leelah, que cometeu suicídio. O motivo disso seria o terror de ter que passar o resto da vida vivendo num corpo de menino, enquanto sua cabeça pensava como uma mulher. Os pais da jovem insistiam em não permitir que ela fizesse o tratamento para a mudança de sexo, alegando que aquilo era apenas uma “fase”.

Se existe algo que precisa ser melhor discutido e defendido são os direitos das transexuais e travestis, que até mesmo dentro da comunidade gay são vítimas de exclusão e preconceito.

Nossa coluna não pretende aprofundar a discussão, afinal a comunidade gay é tão complexa e cheia de nuances que tentar entender isso seria difícil numa única publicação, mas o fato é que existem sim trans e travestis, e que elas são gente como todos nós e precisam de respeito e de maiores ações e políticas públicas a seu favor. Que nos próximos doze meses elas sejam vistam e representadas com mais respeito pela mídia, pelo governo e pelos próprios gays.

2. HETERONORMATIZAÇÃO NÃO É BACANA

“Não entendo esses gays que insistem em tentar parecer hétero. Se esforçam tanto para parecer com o maior do algozes dos gays, pessoalmente isso para mim não tem sentido”.

As palavras acima foram de um colega durante uma conversa qualquer em uma mesa de bar, mas que dão forma ao segundo tópico das coisas que nossa coluna não esperam ver em 2015.

Cabe a cada um agir como bem entende, mas o fato é que essa heteronormatização de alguns gays vem carregada de um sentimento de superioridade; como se parecer ser hétero fizesse você melhor do que um gay de postura mais afeminada e que não tem vergonha disso. Mais amor e mais respeito por todas as formas de viver e agir, é isso que esperamos.

3. MENOS FUNDAMENTALISMO NA POLÍTICA

O ano passado foi de eleições e também de muitas polêmicas envolvendo política e direitos LBGT’s. Não podemos negar os avanços que tivemos no âmbito politico quanto a união civil e o casamento de pessoas do mesmo sexo, mas ainda há uma série de direitos que nos são negados e outras ações que deveriam ser efetivamente implantadas e aplicadas na orientação, combate e punição da homofobia.

Em 2015 teremos uma bancada evangélica formada por 74 deputados declaradamente evangélicos, de acordo com o Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (DIAP), um número inferior se comparado com os 78 eleitos em 2010, mas a pesquisa leva em consideração apenas o reeleitos e novos deputados que ocupam publicamente funções e cargos religiosos, como padres, missionários e outros, além dos cantores.

Nossa coluna espera que nos próximos quatro anos a constituição e os direitos humanos possam falar mais alto do que a bíblia durante as decisões parlamentares, afinal religião e política não devem se misturar.

****

ERA UMA VEZ A DIVINE

2

No último final de semana a comunidade gay de Fortaleza foi surpreendida com as portas da boate Divine fechadas em pleno sábado. Logo surgiram boatos nas redes sociais sobre o fim da casa que foram confirmados na terça-feira, 06, com a retirada do letreiro do prédio.

Situada na Rua General Sampaio 1374 no Centro da cidade a cerca de 15 anos, Divine era uma das mais antigas e mais tradicionais boates gays da cidade em funcionamento. Famosa por suas festas aos domingos e pelo espaço que sempre deu as drags, transformistas e tantos outros artistas da noite cearense, a boate deixa um vácuo na noite gay de Fortaleza.

A coluna lamenta o fechamento da boate e torce para que logo essa lacuna deixada na noite fortalezense seja devidamente preenchida. Procuramos a direção da boate para mais esclarecimentos, mas infelizmente não obtivemos sucesso.

Plus: informações dão conta que na sexta-feira, 30 de janeiro, grandes nomes consagrados na boate Divine devem fazer um show em memória da casa e como comemoração dos seus 15 anos de existência. O evento deve acontecer no Parque da Liberdade (Parque das Crianças) e conta com o apoio da Coordenadoria da Diversidade da Prefeitura de Fortaleza.

****

FICA QUE VAI TER AFTER

3

Para quem virou o sábado na balada e quer começar o domingo ainda na vibe ai vai uma ótima notícia: o AFTER BAPHO está de volta. Com produção de Tiago Fasano o evento acontece no próximo domingo, 11, a partir das 6hs da manhã. Na line up nomes consagrados da noite, entre eles Rachid Barros, Thiago Costa e o próprio Fasano.

Vale destacar o local no mínimo “diferente” onde o evento será realizado. O Rommeo Sauna/Hotel recebe essa edição do projeto, o espaço que conta com saunas, salas de vídeos, bar e suítes abre suas portas pela primeira vez para uma festa desse porte. O after acontece no solarium da sauna, um local aberto mas que dará aos visitantes, total liberdade para aproveitar a festa e conhecer as demais dependências.

Mais informações no link: https://www.facebook.com/events/777949638952564/?pnref=story

AFTER BAPHO
Dia 11 de Janeiro das 6hs às 17hs
Local: Rommeo Sauna Hotel

 

****

Thiago Silva é quem escreve a coluna Entre Rapazes. Qualquer dúvida ou sugestão pode mandar e-mail para thiagojornalismo@outlook.com

Recomendado para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *