Plínio Bortolotti

Gilmar Mendes e Heraldo Pereira [1]

138 3

Aparecem novos fatos na relação do presidente do Supremo Tribunal Federal [STF], Gilmar Mendes e o repórter Heraldo Pereira, da Rede Globo.

O jornalista integra o “Conselho Estratégico” da TV Justiça, caracterizado como “um órgão consultivo de assessoramento ao presidente do Supremo Tribunal Federal para assuntos que se referem à TV Justiça”.

Se o conselho é “estratégico” e faz “assessoramento” direto a Gilmar Mendes, como está escrito, supõe-se uma relação muito próxima dos conselheiros com o ministro.

Mas, a rigor, esses conselhos raramente funcionam, são meramente formais. Se os seus integrantes forem pagos, caracteriza-se como sinecura.

Os sete integrantes do “Conselho Estratégico” são os seguintes:

Ministro Gilmar Mendes
Presidente do STF (Presidente do Conselho)

Ministro. Cezar Peluso
Vice-Presidente do STF

Ministro Carlos Britto
Ministro do STF na linha de sucessão do Vice-Presidente

Alcides Diniz da Silva
Diretor-Geral do STF

Heraldo Pereira
Jornalista e advogado

Marilena Chiarelli
Jornalista

Renato Parente
Secretário de Comunicação Social do STF (Secretário do Conselho)

Recomendado para você

3 Comentários

  • Pedro Miranda,Economista,Brasilia,DF disse:

    Não podemos deixar de lado essas denúncias contra o Gilmar Dantas, por causa da PETROBRAS. Temos que continuar nas ruas mostando ao povo as falcatruas no STF e extrair esse câncer de lá.É muita coisa pra lutar! Não podemos descuidar!
    GILMAR SAI ÀS RUAS E NÃO VOLTE AO SUPREMO!
    O PETRÓLEO TEM QUE SER NOSSO!

  • Pé d'Ouvido disse:

    Não foi surpresa!

    Achava estranho assistir Heraldo Pereira nas matérias dos tribunais federais – principalmente, quando entrevistava ministros.
    Parecia mirar-se naqueles intelectuais do Senegal falando o francês castiço. Tal qual retrata-nos Tolstoi na Rússia do século XVIII, quando a nobreza russa falava um francês castiço e desprezava o russo nativo.
    Ah, Heraldo, não foi surpresa sua intimidade com o ministro Gilmar Mendes … relembre outro ministro, o Joaquim Barbosa; é nóis, mano!

  • Frank Cesar disse:

    HERALDO PEREIRA,EU NÃO TENHO PALAVRAS PARA DIZER DA SUA CAPACIDADE EXTRAORDINARIA NA QUAL VOCÊ MANEJA FACÍLMENTE AS PALAVRAS COM ESPLENDOR,INFINITAMENTE MAIS QUANDO EXPRESSA
    Incomparável
    Incomparável Deus mui digno de louvor
    Em tuas mãos está todo poder
    Nada pode escapar
    Da tua grandeza nem mesmo
    Um pequeno fio de cabelo
    Incomparável Grandioso Deus
    Tua voz é mais doce que o mel
    Teu olhar é ternura e amor
    Me envolves de misecórdia
    Confortando o meu coração
    Incomparável Grandioso Deus
    Porque tu és, Hoje eu posso te adorar
    Porque tu és, Em tua mesa tenho lugar
    Me destes autoridade
    Teu governo em meus ombros está
    Incomparável Grandioso Deus
    Incomparável és, incomparável és
    Ser mais semelhante a Jesus
    É o desejo do meu coração
    Incomparável és
    Levantai as vossas mãos e adorai a Deus
    Que sobre tudo e todos está
    Santo, Santo é o teu nome
    Aleluia, Celebrai, Glória, Ao Rei dos Reis

    A Voz Do Deserto

    A minha voz clama no deserto.
    E só a areia parece me ouvir.
    Há religiosos por todos os lados.
    E uma multidão pra se decidir
    Eu dentro das águas e Ele veio a mim.
    E eu que deveria ir a Ele.
    Eu não sou digno de amarrar os seus sapatos.
    Importa que Ele cresça e não eu.
    O governo está nos seus ombros.
    E tudo nos céus e na terra.
    DEle é o reino que vem.
    Eis o Cordeiro Deus

    A Hora Do Brasil

    Eu fico cansado de ver a maldade no meio da rua
    Aqueles que ganham a vida daqueles que perdem as suas
    É gente que quer o mal pra gente que faz o bem
    É gente de dignidade que vive com medo de quem não tem
    Diziam que eram coitados, amordaçados pela censura
    Agora, desfilam nas bancas e imprimem a própria ditadura
    Pobre de ti, Betsaida!
    Ai de ti Corazim!
    Dessa nossa garganta, virá o juízo do teu fim
    Antes mesmo de toda guerra, antes disso tudo nascer
    No principio, já era um verbo, e o verbo era Deus
    Eu sei que eu vou viver
    E, um dia eu hei de ver
    O meu país aos Teus pés, Deus
    Eu sei que eu vou viver
    E um dia eu hei de ver
    O meu país aos Teus pés
    Nós, da terceira série “C”, do ensino fundamental
    Começamos este seminário, apresentando o nosso jogral
    O homem do mundo moderno, tão capaz, tão global
    Voltou para a idade da pedra, ou voltou a ser Neanderthal
    Ainda não fiquei louco, meu cérebro vive em paz
    Não preciso aprender quem eu sou nas páginas dos jornais
    Eu prego, canto, louvo, fico rouco de profetizar, enquanto eu tiver fôlego
    Enquanto eu respirar
    Eu sei que eu vou viver
    E, um dia eu hei de ver
    O meu país aos Teus pés, Deus
    Eu sei que eu vou viver
    E, um dia eu hei de ver
    O meu país aos Teus pés

    EIS ALGUNS LOUVORES PRA TE
    EM NOME DE JESUS CRISTO DEUS TE ABENÇOE
    HERALDO PEREIRA

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *