Política

Roberto Cláudio promete construção de 150 km de ciclofaixas e ciclovias caso seja eleito

260 9
Roberto Cláudio e Evaldo Lima pedalam na avenida Beira Mar (Foto: Evilázio Bezerra/O POVO)

Roberto Cláudio e Evaldo Lima pedalam na avenida Beira Mar (Foto: Evilázio Bezerra/O POVO)

O prefeito Roberto Cláudio (PDT) prometeu construir pelo menos mais 150 quilômetros de ciclofaixas e ciclovias no segundo mandato, caso seja reeleito. O compromisso foi feito em agenda de campanha neste domingo, 21, quando ele participou de “bicicletaço” organizado pelo vereador Evaldo Lima (PCdoB).

“Eu vou me comprometer a fazer pelo menos mais 150 quilômetros de ciclofaixas e ciclovias nos próximos quatro anos”, afirmou. Até agora, segundo informações da Prefeitura, Fortaleza consta com 164,6 quilômetros de vias para bicicletas.

O prefeito também prometeu intensificar a integração da bicicleta com o transporte público. “A ideia é cada vez mais a gente dar conforto e agilidade e comodidade para que as pessoas andem de bicicleta e ônibus, inclusive pra deixar o carro em casa, porque vai ser mais barato e rápido”, disse.

 

Recomendado para você

9 Comentários

  • ANGELO disse:

    NÃO É SÓ NA ALDEOTA PAPICU BAIRRO DE FATIMA QUE AS PESSOAS ANDAM DE BICICLETA, E NAS PERIFERIAS?

  • É cada ciclovia em local totalmente inadequado, construíram uma na Rua João Brígido, uma rua super estreita sem qualquer condição de ter ciclovia. Raramente passa bicicleta nessa rua, quando passa, o ciclista não usa a ciclovia. Aliás sempre estão sem capacete e as bicicletas sem nenhuma luz de advertência.

    • Francisco Ferreira disse:

      Eu utilizo bastante a ciclovia desta rua, João Brígido, principalmente a noite que é horário que posso pedalar, acho excelente, apesar de, realmente, ela ser um pouco estreita, mas como o movimento de carro é pequeno, já que fica paralela a Pe. Valdevino, formando o binário e o trânsito de carros para o centro escoa pelas duas. Também percebo ciclistas sem capacetes, mas observo que em sua maioria são cidadãos que se deslocam para suas casas ou para seus locais de trabalho, observo ainda que ela é utilizada por muitos entregadores que utilizam suas bicicletas para trabalhar e infelizmente alguns desses citados não utilizam capacetes. Eu gosto demais de pedalar, comecei a três meses e não quero parar tão cedo.

  • Marcelo Barroso disse:

    Pronto!!!! Taí a salvação do mundo, construir 150km de ciclovia.
    Enquanto isso, quem tá na escola, nao sabe nem ler, imagine placa de sinalização.
    Aproveita RC, faz uma até Canindé e aproveita faz promessa agradecendo por mais 4 anos de moleza.

  • Francisco Ferreira disse:

    Pedalar é bom demais, bonito ver as ruas de nossa cidade sendo ocupadas por ciclistas: adultos, jovens e crianças. Pedalar nos dá a oportunidade de conhecer as ruas, a cidade e ainda é um excelente exercício aeróbico, eu, particularmente, só melhorei depois que comecei a pedalar, baixei as taxas de glicemia e colesterol, também passei a dormir melhor e ter mais disposição. Esse projeto “Bicicletar” é tudo de bom para a cidade. Agradeço e bato palmas.

  • Antonio Jorge disse:

    SR RC va ver os hospitais que é melhor do que fazer ciclovias onde não é necessario o Sr. junto com estes seus engenheiros nao andao nestas av onde tem ciclovias por este motivo que quer fazer mais, quer ganhar eleicao so com ciclovias . Muito pouco

  • Bruno disse:

    Eu moro na periferia.. e aqui tem.. e nos bairros próximos também! Agora, se você quer 10 km em cada bairro.. fica complicado!

  • Silvana Vasconcelos Brito de Oliveira disse:

    Alguém tinha que fazer isso pela nossa cidade. As pessoas não se contentam com nada. Se fazem hospitais, querem escolas. Se fazem praças, querem viadutos. Gente, sempre haverá o que fazer. Porque vocês não pegam uma bicicleta e vem experimentar essa maravilha de opção de vida? Não verei mas meus bisnetos verão una Fortaleza com ar mais puro, repleta de ciclistas, de bem com a vida é com a sua saúde.

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *