Política

Em nome de prefeitos, Roberto Cláudio pede negociação com Cuba a respeito do Programa Mais Médicos

15986 47

Por Ítalo Cosme

Roberto Claudio.
(Foto: Evilázio Bezerra/O POVO)

“É muito grave o que está acontecendo”, diz Roberto Cláudio sobre retirada de médicos cubanos do Programa Mais Médicos

Vice-presidente da Frente Nacional dos Prefeitos (FNP), Roberto Cláudio (PDT), chefe do Poder Executivo de Fortaleza, fez apelo na manhã desta sexta-feira, 16, para que o posicionamento a respeito do Programa Mais Médicos seja revisto. Para o gestor, a retirada dos profissionais pelo governo cubano agrava a situação de assistência à saúde de municípios mais pobres e de comunidades mais vulneráveis. A medida de Cuba ocorreu após declarações do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL).

“Estamos, em nome da Frente dos Prefeitos, fazendo apelo para que haja uma nova negociação. Uma revisão da decisão, porque quem irá pagar por isso é a população mais pobre do Brasil”, ressaltou o gestor. De acordo com Roberto, está sendo feito levantamento para saber o tamanho do impacto em Fortaleza. Prevista para ter início em 25 deste mês, a retirada dos cubanos, segundo o prefeito, deve impulsionar a busca por soluções alternativas.

LEIA TAMBÉM:

Camilo manifesta preocupação com saída de cubanos do Programa Mais Médicos

Saída de cubanos do Mais Médicos causará “irreparáveis prejuízos”, diz FNP

Médicos começam a voltar para Cuba após rompimento com o Brasil

Seleção para preencher vagas de médicos cubanos será ainda este mês

Novas exigências para médicos cubanos são por razões humanitárias, diz Bolsonaro

“É uma medida que acaba afetando, exatamente, as pessoas que demandam com maior necessidade esse tipo de serviço. É muito grave o que está acontecendo. Isso vai impactar negativamente a saúde no Nordeste brasileiro, e em vários municípios do Brasil”, reflete o prefeito de Fortaleza.

De acordo com a Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa),  118 municípios serão atingidos em todo o Estado. Em outubro, havia 448 cubanos atuando pelo Mais Médicos, a maioria trabalhando em áreas de vulnerabilidade, reservas indígenas e distritos distantes. Cerca de 15 profissionais cubanos trabalham em Fortaleza.

Recomendado para você

47 Comentários

  • Joao Brioso disse:

    Antes dos médicos cubanos era ruim a saúde publica do estado e de Fortaleza e com eles continuou ruim, Então isso é só lamentações do Gestores, C e R.

    • Manoel Jorge Marques Neto disse:

      Problema maior não é em Fortaleza…existem localidades em que nenhum médico brasileiro aceita trabalhar e só restam os cubanos para este fim. Na verdade Cuba escravisa seus profissionais e o Brasil na sua nova gestão quer punir o Nordeste com essa atitude radical. No mínimo se o Executivo quisesse o bem dos mais pobres do Nordeste encontraria primeiro uma forma de compensar e depois tomaria essa decisão de desacreditar nos profissionais que estão atuando em áreas de risco. Acredito não ser a sua João Brioso.

      • Anchieta disse:

        Quer dizer então que tomar essa atitude exigindo que os médicos cubanos tenham direito ao salário integral e de trazer familiares para o Brasil, bem como o exame do revalida que está previsto em lei, Bolsonaro está errado? Você perdeu uma bela oportunidade de ficar calado, amigo…!! Bolsonaro exigiu dignidade para os trabalhadores cubanos e são tratados de forma desumana pela ditadura comunista que é apoiada pela organização criminosa do PT…agora você dizer que o nordeste é quem sofre…é muito fácil você querer que os outros trabalhem de maneira desumana para suprir a tua necessidade….queria se fosse você , sendo tratado como escravo, que a ditadura cubana faz com os médicos…

  • DAVID COELHO DA COSTA FILHO disse:

    Muito grave também:
    Projeto aprovado pela Câmara Municipal de Fortaleza em agosto/2017 criando o Hospital do Idoso, nada executado(até 16 de novembro de 2018), tem muito dinheiro arrecadação de tributos municipais(de 01/01/2018 até 16/11/2018) + 1 bilhão 731 milhões, deveriam respeitar todos idosos que são jogados nas filas de espera(consultas, exames e cirurgias).
    A Prefeitura de Fortaleza lançou ‘NOVEMBRO AZUL” sem médicos (Urologista) para prevenção e tratamento do câncer de próstata.

  • DAVID COELHO DA COSTA FILHO disse:

    mandei um comentário, mas teve uma rápida censura, porque?

  • Amyr Feitosa disse:

    só o senhor Cláudio não sabe que Cuba está retirando os médicos de forma unilateral por bravata pura … faz proselitismo para tolos num pré-oposicionismo cínico … dignidade não se negocia cara.

  • DAVID COELHO DA COSTA FILHO disse:

    Sr. Prefeito de Fortaleza tem um projeto aprovado pela Câmara Municipal de Fortaleza em agosto/2018 criando o Hospital do Idoso, nada executado, PORQUE?

  • Francisco Rodrigues Bastos disse:

    Mais negócios é uma escravidão, só serve para o PT, encher o bolso do irmão do Fidel Castro. Temos médicos, aliás Excelentes médicos. Quem tirou os médicos cubanos foi o presidente de Cuba, Bolsonaro queria apenas fazer reavaliação dos médicos,e, pagar direto aos médicos cubanos.

  • João Dourado disse:

    Sr. Governador Camilo Santana.
    Já q V. Exa. está preocupado com a causa, é parceiro do Lula, que por sua vez tem altos negócios com a família Castro de Cuba, peça para q Lula telefone para o Raul Castro sugerindo que Cuba aceite q os médicos cubanos recebam salários integrais no Brasil e possam trazer suas famílias para cá.
    É simplório, bastarão 2 telefonemas, um daqui para Curitiba e um de lá pata Havana.
    Fiz minha parta para resolver o impasse.

  • JOABIO BARBOSA SALES disse:

    TEM ALGUMA COISA ERRADA COM TANTO INTERESSE ,É SO ABRIR UM EDITAL Q TEM TANTO MEDICOS A DISPOSIÇÃO ,MAS N HORA DO GOVERNADOR IR A REUNIÃO COM PRESIDENTE ELEITO N FOI PQ EM? AGORA TA PREOCUPADO ,Q N ACEITOU FOI A CUBA N FOI O BOLSONARO N ,ELE SO EXIGIU Q PAGA O SALARIO COMPLETO AOS MEDICOS .

  • RobLima disse:

    Incrível como o povo gosta de se lascar. Aplaudem as declarações do Bozo no melhor estilo “Nem q’eu me lasque”.

  • Daniel disse:

    Prefeitura de Fortaleza não tem moral para criticar governo federal, quando ela mesma, não cumpre sua parte na saúde da capital.

  • Bonequinha disse:

    Esse presidente não está nem aí para pobres, menos aí para nordestinos, aliás deve estar rindo da miséria deles.

  • Carlos Anderson disse:

    Qual médico aceita trabalhar e receber apenas 30% da remuneração e o restante ir para o regime cubano ? Qual médico concorda em ir morar e trabalhar em outro país e não poder levar seus familiares ? Só a esquerdalha para apoiar essa ditadura comunista.
    Será que a família do prefeito se consulta com os médicos cubanos ?
    Quantas vezes o Lula e a Dilma se consultaram com os cubanos ?
    Bolsonaro acabando com a escravidão cubana, por isso é chamado de MITO.

  • Edson Luis disse:

    Prefeito de Fortaleza Ceará. Precisa realmente desejar fazer o melhor para o povo. Não é o que este faz. Mas Camilo não também não fez nada e foi reeleito por ser PT. Por isto o Ceará é a cidade onde tem alto índice de violência . As cidade está entregue as batatas. Ruas sujas. Avenidas parecem um caos. Não existe calçadas para cadeirantes e deficientes físicos. Nem para a população. Não tem ciclovias nos lugares onde trabalhadores trafegam . E calçadas , e saneamento básico não chegou a todos de Fortaleza Ceará. Somente a áreas nobres. Aí ok. Faixa mal sinalizadas . Vocês tem muita ajuda do povo. Que não vos cobram. Mas logo eles vão perceber que vocês governam para os ricos. Para vossas permanência no poder. Sangue sugas. Eu não acreditava que o governo era tão ruim , e permaneceria governando. Aqui o povo vos aceita. Mas logo vão abrir seus olhos.

  • Pedro disse:

    Sr prefeito o IJF que já é lotado vive recebendo pacientes de todo o estado por falta de condições nas cidades do interior, mas o sr nunca falou nada sobre isso para o governador ou imprensa exigindo dignidade ao povo cearense, porque será?

  • Cristina Pessoa disse:

    Querem mais é que pobre morra, índio então nem se fala. Os médicos cubanos se propuseram a alcançar estes lugares inóspitos para poderem atender com dignidade as pessoas do interior. Eu moro em uma cidade destas. Os médicos cubanos faziam seu trabalho com humanidade e competência. Diferentemente dos médicos da região. Se vocês soubesse o que já presenciei aqui ficariam pasmos.

  • Alberto t disse:

    Parabéns Bolsonaro.

  • Machado disse:

    Daqui a dois anos eu não voto nesse prefeito nem para porteiro de cabaré!!

  • Lucas disse:

    Abaixo a ditadura e a escravidão. Inadmissível o Brasil ter aceito esses termos, mas ainda bem que o novo presidente é contra a escravidão no nosso país.

  • Anchieta moreno disse:

    É muita palhaçada mesmo desse prefeito! Tenha vergonha na cara Roberto Cláudio! Os Cubanos sendo tratados de forma desumana, trabalhando muito para sustentarem os vagabundos dos ditadores cubanos e você querendo compactuar com isso, seu prefeito sem futuro…!! Trate de contratar médicos e botar a saúde pública pra funcionar de verdade…os postos de saúde uma porcaria, os frotinhas e gonzaguinhas do mesmo jeito…mas burro é o povo que votou nesse irresponsável e engoliram o golpe do alvará….

  • Miguel Araújo Sousa Peres disse:

    Deixemos de lado o recalque que os médicos brasileiros sentem em relação ao médicos cubanos e voltemos a razão. Os médicos cubanos assistiam nosso povo cearense exemplarmente. Devemos desculpas a eles pela falta competência administrativa do indivíduo que venceu as eleições na base da fake news.

  • FRANCISCO disse:

    Negociar o que?
    1) 80% do salário desses profissionais vão para a ditadura sanguinária, corrupta e aliada do PT.
    2) Esses profissionais não podem trazer seus familiares para o Brasil.
    2) O exame revalida é necessário para qq profissional na área médica para sabermos se são médicos ou pseudo médicos.
    Conclusão: O Presidente Jair Bolsonaro está correto em encerrar esse contrato fajuto e em breve teremos profissionais competentes atuando e atendendo a população mais pobre.

  • Santeles disse:

    Cuba é uma ilha q manda numa nação continental?pq brasileiros q estudam fora tem de fazer o Mm?vai olhar o HGF, os postos, médico de Cuba p tomar dipirona?

  • Yuri Pinheiro disse:

    Bolsonaro vai prejudicar os mais pobres por causa de vies ideológico. Escravidão? Kkkk E os babões ainda acreditam nesse papo furado dele. Bolsonaro não liga para trabalhador que é explorado. Os próprios cubanos esravam satisfeitos e achavam justo o envio de parte di salário pois não pagaram nada pra se formar.

  • José carlos disse:

    As pessoas não entendem que os médicos formados hoje, são geralmente filhos da alta sociedade e que entraram nas universidades públicas graças a poder estudar em bons e caros colégios. Claro que existem excessões. Então vocês acham que o menino vai se meter no no interior no meio do sol como os cubanos? Sonha Alice! O que eles fazem é se cadastrar por um plano de saúde qualquer e depois que adquirem clientela abrem uma clínica particular. Papai pagou!!!

  • Maurício disse:

    Perdeu uma grande oportunidade de ficar calado mais como todo bom político demagogo o mesmo precisa se posicionar para os seus.
    Prefeito Já basta a sua política quase que confiscatoria do cidadão de Fortaleza agora defender um regime de trabalho quase que escravo é foda, faça o seguinte já está tão preocupado com a saúde dos mais necessitados cuide do frotinhas dos gozaginhas e dos postos de saúde

  • Juan disse:

    Realmente é muito grave o que vocês e pt vem apoiando, esse processo de escravidão a qual Cuba submete seus cidadãos, especificamente os médicos, os quais são subjugados a aceitarem migalhas enquanto o gov cubano fica com a maior parte dos recursos…

  • Paulo disse:

    Porque prefeito quer colocar estes médicos de Cuba para as pessoas mais humildes? Teria que ter respeito mais com os mais pobres e necessitados e colocando médicos medíocres para atender esta população.

  • r disse:

    O Bolsonaro está certo sobre a situação dos MÉDICOS CUBANOS. Os médicos CUBANOS servem dignamente profissional como humanitária ao povo BRASILEIRO, sem DÚVIDAS. Mas em CONTRA PARTIDA esses PROFISSIONAIS CUBANOS lutam muito em TERRA alheia mas na verdade, são uns verdadeiros ESCRAVOS. É que dos SALÁRIOS 70% (SETENTA POR CENTO) fica com a FAMÍLIA CASTRO. E esses 70% NÃO vai para BENFEITORIA do POVO CUBANO. Os restantes MÍSEROS 30% é que FICA com os PROFISSÍONAIS cubanos QUE LUTAM e não RECEBEM MELHORIAS PESSOAIS. E os BANDIDOS da FAMILIA CASTRO são iguais aos DIRIGENTES PTistas, que roubaram o BRASIL em causa própria. E se algum desses MÉDICOS desertarem a FAMILIA DELES será PERSEGUIDA pelo regime CASTRISTA. Meu povo, vamos nos INFORMAR DIREITO, certo. Existe um desses MÉDICOS exilado no Brasil, mas ELE relata que a FAMILIA dele está sendo PERSEGUIDA pelo REGIME CUBANO. É bom que vários ARTISTA e alguns PTISTAS deveriam MORAR LÁ em CUBA .

  • José caelos disse:

    Amigo! Tira a ideologia e a simpatia política da conversa. Tu conhece 1, não precisa de 2. Só um médico recém formado que queira ir pro interior brabo?
    Varios editais foram feitos e ninguém se inscreveu. Por isso os cubanos vieram!
    O problema deles é deles!

  • José carlos disse:

    A eleição acabou é mesmo assim muitos aqui continuam se agredindo.
    O jornal deveria evitar que comentários desrespeitosos com terceiros fossem publicados.aqui se debatem ideias e banir lugar de agressões

  • João Bosco Silvério disse:

    Os mais Medicos já começou errado…o Brasil não deveria aceitar as condições de salário e família impostas por cuba… são seres humanos e merecem as mesmas condições de direitos dos brasileiros (pois estão exercendo a função aqui no Brasil)…Se o Brasil e seu povo vai sofrer com a falta desses médicos no atendimento, a culpa é exclusiva dos governos das últimas décadas, pois temos que criar as condições de educação, segurança e saúde (o básico) com recursos internos. Qualquer um que concordar com esse tipo de condições, precisa rever urgentemente seu caráter. A suspeitas de espiões no meio desses médicos, suspeitas de que os bilhões enviados ao governo cubano são reenviados para campanhas políticas, é fato de que os médicos ficam com 30% do salário, é fato que seus familiares não podem sair de cuba e mantidos como reféns…vergonha…essa culpa deveria responsabilizar os governos criadores dessa maldade e serem julgados por e quaisquer outros prejuízos que venha causar para o Brasil.

  • Maria Brito da Silva disse:

    O STF Precisa Trabalhar Mais Pelo o Brasil, e Respeita a Constituição e não fica fazendo politicagem.

  • Reinaldo disse:

    E a Unimed faz o que com seus profissionais??? So uma reflexão!!!

  • Gleice disse:

    Claro que o prefeito E O GOVERNADOR DO CEARÁ não estão preocupados com os mas pobres e sim o dinheiro que não vai para o PT

  • Sonia disse:

    A pessoa trabalhar, e 70%do seu salário ir para o governo é injusto e imoral! Valorizem os médicos brasileiros, e dêem a eles condições para trabalhar, e aos pacientes, consultas e exames em um curto tempo de espera. O posto de saúde Luiz Costa, você começa pelo atendimento, a atendente passa 40 minutos para fazer o atendimento, isso com o serviço todo online, sem falar que se levantam demais para lanchar, passear e agente que se espere calada. Sem falar nas caras feias. Já na sala do médico, o serviço de funciona rápido. Sem ginecologista, quem faz a prevenção é uma enfermeira. Está certo o Bolsonaro, que esse dinheiro que vai para o governo cubano ladrão, fique para o médico brasileiro.

  • Emerson Muniz de Almeida disse:

    O que o Presidente Jair Bolsonaro está fazendo é muito correto. Estes cubanos em sua maioria não são médico formados. Alguns são enfermeiros treinados e prontos para pegar em armas se preciso for para atender o chamado socialista. O presidente não pode aceitar a escravidão destes profissionais. Da 4 mil reais e r vista 7 mil para a Ditadura Castrista. Também não é correto. Após revalida o nosso Presidente dá asilo aquele que quiser trazer sua família para o Brasil.

  • Emerson Muniz de Almeida disse:

    O governo do Ceará juntamente com Mais 6 governadores não comparecerá a primeira reunião. Fizeram boicote. Todos do PT, seria legal que Bolsonaro resolvesse primeiro o do gov do PT que durou o acordo. E os demais tivessem que ir lá depois de marcar uma audiência, onde fossem atendidos por último. No

  • Regina disse:

    Bolsinaro ninca quis o fim do programa mais médicos. Ele só quis colocar tudo em pratos limpos e fazer justiça aos médicos. Cuba não quer perder dinheiro jamais!! Comunistas mais que capitalistas!!

  • Gabriel disse:

    Parece que o pessoal da beira mar resolveu se juntar pra comentar aqui, se é que são de Fortaleza mesmo (pois aqui o eleitor já disse que o Bolsonaro não estaria nem no segundo turno). Vocês podem ter a opinião de vocês sobre Cuba (e independente dela o Brasil não tem nada que se meter nas relações de Cuba com os médicos deles). O problema REAL é que 8.500 médicos que trabalham nos lugares mais difíceis estão indo embora sem que o asno do seu futuro presidente tivesse feito nada pra amenizar os impactos (que são literalmente mortes). Vocês têm estrume na cabeça?

  • José Lindoval Ramires Costa disse:

    Discordo totalmente . Médicos de enganação colocados pelo PT comunista de propósito somente para sustentar a ditadura cubana e impedir o serviço de médicos brasileiros.

  • José Lindoval Ramires Costa disse:

    Concordo com você

  • luis spadoni disse:

    Lamentável… o que o novo Chanceller deveria fazer é buscar na experiência e competência internacionalmente reconhecida do ex-Chanceller Celso Amorim uma ou mais contribuições
    a sua nova gestão no MRE em benefício efetivo do País.

\

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *