Política

Bolsonaro pensa em construir campos de refugiados para venezuelanos

1174 1
Refugiados venezuelanos

Bolsonaro agirá sobre problema enfrentado por Roraima na fronteira com a Venezuela (Foto: Mauro Pimentel / AFP)

O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) defendeu mais uma vez rígido controle de emigração e citou em especial os venezuelanos, que entram no Brasil pelo estado de Roraima. Neste sábado, 24, ele afirmou em entrevista coletiva após cerimônia do aniversário de 73 anos da brigada da Infantaria de Paraquedista, no Rio de Janeiro, que é cogitada a construção de campos de refugiados.

Jair Bolsonaro acredita que assim resolveria o problema, concedendo abrigo aos venezuelanos “que fogem da ditadura de seu país”. Para o presidente eleito, o Brasil não pode deixá-los à própria sorte.

O controle rígido na fronteira é forma de prevenção, pois “do jeito que estão fugindo da fome e da ditadura, tem gente também que nós não queremos no Brasil”, afirmou.

Apesar da fala, o peselista se mostra contrário a fechar a fronteira com a Venezuela e expulsar as pessoas que já atravessaram a divisa entre os países.

“Eles não são mercadoria nem objeto para serem devolvidos”, concluiu.

Recomendado para você

1 comentário

  • FRANCISCO BELCHIOR disse:

    Com certeza, deve ter sido o Donald Trump que deu a sugestão. É bom o nosso presidente ter cuidado em suas medidas. Não seria muito coerente utilizar ações humilhantes e desumanas contra os venezuelanos. Hoje são eles que estão numa situação difícil, amanhã poderá ser nós brasileiros.

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *