Política

Quando o acusado do crime mora no mesmo endereço do político

8698 23

Apontado como responsável pelos disparos que mataram a vereadora Marielle Franco (Psol) e o motorista Anderson Gomes, o policial militar reformado Ronnie Lessa mora no condomínio Vivendas Barras, na Barra da Tijuca. São em torno de 50 casas no local, uma das quais pertence ao presidente da República Jair Bolsonaro (PSL). Sabe o que isso significa? Nada. Coisa nenhuma. Pelo menos não por esse fato. Qualquer pessoa pode ser vizinha a um criminoso e não ter nada com isso, nem ao menos conhecer a pessoa em questão.

Agora, veja os seguintes comentários:

“É porque são da mesma quadrilha, oxe, não tem nada demais. Kkkkkkkkkkk”

“E nesse prédio SÓ tem morador de uma linha, se investigar todos apartamentos vai ver que são ligados a algum esquema desonesto”.

“Comprou no lugar certo, esse é mala. Queria fazer amizade com o chefão de tudo”.

“Mah. Tudo bandido. Só não vê quem não quer. Agora, desenhar eu não desenho”.

“Eita prédio pra ter bandido”.

“Muito agitado esse prédio”.

“O homi é vizinho do outro homi! Kkkkkkkkkkkk Bem habitado esse lugar!”

“Tá tudo em casa”.

“Se gritar pega ladrão não fica um meu irmão”.

“Nesse prédio tem muito bandido”.

“Nesse prédio só tem proprietários bandidos????”

Não, esses comentários não são referentes à matéria sobre Lessa morar onde Bolsonaro tem imóvel. Esses comentários foram publicados a respeito da matéria que informava que o piloto do helicóptero usado na execução de chefes do PCC, ocorrida em Aquiraz, no Ceará, era dono de apartamento no mesmo prédio no Guarujá onde fica o triplex que, segundo entendimento da Justiça, pertence ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). E, ok, sendo Lula realmente o dono do triplex, isso é um crime por si só. O que não significa que ele tenha relação com o outro.

Foto: Agência Brasil)

Veja mais comentários sobre a matéria, publicada em 1º de março de 2018:

“Lula bandido! Foi bem ele quem mandou kkkkkk”.

“A quadrilha reunida no Solaris. Mas o triplex é do chefão. Coincidência?”

“Que o PCC fazia doações para o direitos humanos eu já sabia, mas agora estou vendo uma suposta ligação ao PT também”.

“Então manda o Exército parar tudo no morro e subir no Solaris! Lá tem muito bandido”.

“Se investigar mais um pouquinho vão descobrir quem são os verdadeiros chefões… Esse ladrão não acabou o pais só com corrupção…”

“ENTÃO PETISTAS. O Helicóptero com 500kg de Cocaína é do amigo do Aécio. O Avião que pousou cheio de cocaína na fazenda do senador que é amigo do Aécio. O Piloto do helicóptero do PCC tem um apartamento construído pela BANCOOP que é braço político do PT que tem como chefe o Lula. Quem tem telhado de vidro, não pode jogar pedras no telhado dos outros”.

“Vixeeeeeeee… Nesse mesmo edifício outros vários políticos compraram. Pq será?!?! Maaaas, segundo os esquerdistas, é golpe!!!”

Verdade que também houve quem defendesse Lula, reclamasse da vinculação e criticasse a imprensa. Por exemplo:

“Vergonha o jornal relacionar o ex-presidente Lula a essa matéria. Por que não disse que esse apartamento e o que está sob penhora para uma dívida de um credor???? Quantas maldades a imprensa pode causar. Vergonha total de quem escreve uma matéria dessa forma!!! Acorda Brasil”.

Como são parecidos!

Pelo que se sabe até agora, Bolsonaro tem tanto a ver com o homem que matou Marielle quanto Lula tinha com o piloto do helicóptero usado para matar membros do PCC.

Isto é: coisa nenhuma.

Recomendado para você