Política

José Guimarães apresenta emenda para manter auxílio emergencial em R$ 600 até o fim do ano

(Foto: Divulgação/PT)

O deputado federal José Guimarães (PT/CE), líder da minoria da Câmara, apresentou emenda à Medida Provisória que reduz pela metade o valor do auxílio emergencial até 31 de dezembro (R$ 300). A proposta do parlamentar mantém o benefício no valor original, de R$ 600, até o fim do ano.

Guimarães defende que o argumento usado pelo governo federal sobre necessidade de redução de gastos não tem validade e que o chamado “orçamento de guerra” foi aprovado para que o governo federal pudesse efetuar despesas voltadas à parcela mais vulnerável da população.

“Entendemos que 600 é o mínimo aceitável para o auxílio. Melhor seria se o benefício fosse de um salário mínimo, mas como há resistência proponho a extensão do auxílio no mesmo valor aprovado originalmente pela Câmara”, escreveu Guimarães na justificação da emenda.

Recomendado para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *