Ancoradouro

Deputado petista é a favor do plantio da maconha

O deputado petista de São Paulo, Paulo Teixeira , encabeça uma polêmica na câmara. O parlamentar é a favor do plantio da maconha para usuários de drogas e penas alternativas para traficantes de pequeno porte. Foi criada inclusive uma comissão com foco na discussão sobre drogas e democracia.

O que se quer mesmo é legalizar a maconha. Uma verdadeira organização começa a se formar para que isso aconteça. Interessante perceber as contradições de nosso país. Por um lado é lançado a lei anti fumo que proíbe o uso de cigarro em lugares públicos, do outro uma leva de políticos e  outros segmentos da sociedade empreendem esforços para a legalização da maconha, uma porta para a liberação das demais drogas.

Será que esses senhores não são conhecedores do estrago que a droga faz na vida de uma pessoa e daqueles que estão ao seu redor? Liberar o plantio da maconha para usuários não seria uma “deixa” para a liberação dos outros entorpecentes?

Por que não procurar fomentar políticas públicas que coibam e prendam os grandes traficantes? Caso o estado não seja capaz de realizar isso não legalize a morte de milhares de usuários e familiares destes ao liberar o uso da maconha.

O deputado argumenta que ao se incentivar o plantio da maconha o tráfico vai  ser desarticulado.

Que absurdo!

Que estratégia furada!

Que desrespeito!

Não se vence um mal provocando um outro maior deputado. Paulo Teixeira ainda estima o número de mudas que cada usuário pode plantar, três ou quatro. E quem vai fiscalizar essa quantidade? A polícia? A procuradoria geral da República que entende ser um direito lutar pela legalização da maconha?

Será que uma mãe cuidaria dessa plantinha maldita para que o filho a pudesse consumir? O Senhor plantaria deputado para um possível usuário familiar em sua casa? Regaria, colocaria ao sol?

Onde iremos parar ?

A propósito, encaminho uma sugestão de pena branda para os pequenos traficantes, cuidar da pequena horta de maconha da comunidade. Responsabilidade social total, o que acham? Cada rua poderia ter a sua.