Clube da Luta

Novo campeão dos pesos pesados, Velasquez foi superior em todos os rounds contra um Cigano irreconhecível no UFC 155

Velasquez acertou golpes potentes no rosto de Cigano ao longo da luta

Foi uma vitória arrasadora de Cain Velasquez. Um Cigano irreconhecível entrou no octógono. O americano virou um “carrapato” e colou em Júnior. Cain não dava espaço para o brasileiro usar seus punhos potentes. Velasquez foi melhor em toda a luta, tanto em pé como no chão. O novo campeão deu um show e venceu por decisão unânime (50-45, 50-44 e 50-43).

A luta começou e Cain buscava derrubar Cigano de todas as maneiras. O brasileiro resistiu às primeiras investidas, mas lutou de forma muito estranha com a guarda baixa. Ele não conseguia achar a distância para seus golpes entrar e virou presa fácil para Velasquez. Quando o combate era em pé a torcida brasileira ganhava esperança por um soco de Dos Santos, mas era o americano quem dominava, com mãos pesadíssimas, Cain aplicou vários golpes castigando Cigano.

Cain pareceu estar mais inteiro que Júnior durante toda a batalha. O primeiro e o segundo round Velasquez dominou com tranquilidade. A partir do terceiro o cansaço era nítido nos dois lutadores, mas o americano sempre estava um passo a frente do brasileiro e víamos um Cigano mais cansado, sem fôlego.

Quem acertava jabs constante era Cain ao invés de Cigano. O brasileiro ficou com o rosto castigado ao final da luta. No último round Velasquez voltou a usar seu wrestling, derrubando Júnior para fazer o tempo passar. Mesmo não fazendo uma boa apresentação, Dos Santos foi um guerreiro por ter resistido até o final.

Confira o que eles disseram após o combate.

Cain Velasquez: “O ano inteiro, eu me preparei, e essa luta foi a mais difícil. Eu estava muito cansado e eu fui em frente, graças ao meu preparador e à minha equipe. Me sinto muito bem. Voltei mais forte. Este é o meu presente de Natal para minha esposa, eu havia prometido a ela”.

Júnior Cigano Dos Santos: “Por que todo mundo está tão chateado? Por que? Sua estratégia foi muito eficiente e, hoje, ele foi melhor do que eu. Os socos foram normais, eu estou acostumado a tomar socos todos os dias, mas ele pressionou o tempo inteiro, tentou me colocar para baixo, então parabéns a ele. Cain Velásquez, como você disse: eu vou voltar e vou recuperar o meu cinturão”.

Veja abaixo a relação de todos os campeões por peso do UFC.

PESO PESADO – CAIN VELASQUEZ
PESO MEIO PESADO – JON JONES
PESO MÉDIO – ANDERSON SILVA
PESO MEIO-MÉDIO – GEORGE ST. PIERRE
PESO LEVE – BENSON HENDERSON
PESO PENA – JOSÉ ALDO
PESO GALO – DOMINICK CRUZ/ *RENAN BARÃO (Interino)
PESO MOSCA – DEMETRIUS JOHNSON

COBERTURA ESPECIAL DO UFC 155

VÍDEO: clipe dos principais momentos do UFC 155: Cigano x Velasquez

VÍDEO: melhores momentos do ´passeio’ de Velasquez sobre Cigano

Arrasador, Velasquez vence a revanche contra Cigano. Veja tudo que rolou

Júnior Cigano agradece apoio dos fãs e promete: “Vou recuperar meu cinturão no UFC”

Após ser avaliado no hospital, Cigano garante não ter sofrido fratura. “Estou só inchado”.

 

Recomendado para você