Discografia

Éramos nove

200px-Charles_GavinO baterista Charles Gavin anunciou nesta tarde seu desligamento dos Titãs. Segundo a assessoria da banda, o motivo do afastamanto são “razões pessoais”. Quem assume as baquetas do grupo agora é Mario Fabre, que já trabalhou com a Iramandade do Blues, Andre Cristovam e Leo Jaime.

Funcionando como quinteto desde a saída de Nando Reis, em 2001, os Titãs lançaram seu último trabalho, Sacos Plásticos,  no ano passado e receberam o Grammy Latino de Melhor Disco de Rock pelo trabalho.  Inicialmente formado por nove músicos, os Titãs do Iê Iê logo no começo da carreira perderam o “Iê Iê” e Ciro Pessoa. Em 1984, o baterista André Jung sai e vai pro Ira!. Agora com Gavin, Arnaldo Antunes, Branco Mello, Marcelo Fromer, Nando Reis, Paulo Miklos, Sérgio Britto  e Tony Belloto fecham a formação clássica do grupo responsável pelo clássico Cabeça Dinossauro (1986).

Arnaldo Antunes foi o próximo a sair, em 1992, para dar continuidade à sua bem sucedida carreira solo. Arnaldo esperou passar o lançamento de Tudo ao mesmo tempo agora e saiu sem grandes atritos. Diferentemente do que aconteceu com Nando Reis, que abandonou o barco no meio da turne A melhor banda de todos os tempos da última semana, em 2002. Pouco antes, em 11 de junho de 2001, os Titãs sofreram a perda do guitarrista Marcelo Fromer, morto em um acidente de trânsito.

Além de baterista, Charles Gavin também fez fama por conta da sua imensa coleção de vinis. tanto que nos últimos anos vinha se dedicando a produzir coletâneas e relançamentos de vários discos esquecidos pelas gravadoras. Desta forma voltaram às prateleiras obras de Tom Zé, Brylho, Novos Baianos e Tim Maia.