Educação

Obesidade infantil faz SUS atender 800 por mês

Os números são cada vez mais alarmantes. A obesidade já é um drama para uma em cada quatro crianças que vivem em São Paulo (SP).

Nos últimos 20 anos, o número de jovens com peso excessivo cresceu 150% no País.

Para atender à demanda que vem aumentando de maneira desenfreada e faz os pais buscarem ajuda, as unidades ambulatoriais ligadas à Secretaria Municipal de Saúde têm 125 endocrinologistas no quadro de funcionários e acompanham de forma integral quem apresenta um diagnóstico de sobrepeso.

Casos que exigem um tratamento mais efetivo são encaminhados para hospitais de referência da Secretaria Estadual de Saúde, como o Dante Pazzanese de Cardiologia, o Instituto da Criança do Hospital das Clínicas e o Hospital Infantil Darcy Vargas.

As unidades têm grupos especializados e atendem a cerca de 800 crianças  por mês. O ambulatório de nutrição do Instituto Dante Pazzanese já funciona há 12 anos e o departamento acompanha a criança até ela atingir a maioridade.

Fonte: Diário de SP