Futebol do Povo

Fortaleza empata com o Confiança no Castelão, mas as vaias foram injustas

162 42

dudu 1

Matematicamente foi confirmada neste domingo  o que todo mundo já sabia faz tempo: a classificação do Fortaleza para a segunda fase da Série C, a decisiva para o time voltar ou não para a Série B do Campeonato Brasileiro.

O empate diante do Confiança em 1×1 mostrou um tricolor ofensivo, mas errando demais no ataque, mais uma vez perdendo muitas chances. Adriano Martins fez a sua estreia e em pouco tempo mostrou o que também todo mundo já sabia: ele não é centroavante, cai muito pelos lados e mostrou velocidade. Foi uma atuação discreta. Maranhão se equivocou demais nas decisões. Atrapalhou vários contra-ataques, irritou a torcida, se irritou e irritou os companheiros. Daniel Sobralense foi pouco intenso. Quem levou o time para a frente: Éverton e Corrêa.

Dudu Cearense fez um gol espetacular e teve um índice de acerto de passes muito bom.  A qualidade na saída de bola ganha demais, mas há um efeito colateral importante e que depende também da ajuda defensiva dos laterais. Com Dudu, o poder de marcação da equipe diminui por causa da ausência de velocidade que tem Auremir, por exemplo, e o Confiança teve boas chances, especialmente no primeiro tempo, quando Ricardo Berna mostrou que está com os reflexos em dia. Mas Dudu Cearense, repito, foi muito bem.

O Confiança foi valente. Conseguiu o empate aos 45 do segundo tempo porque jamais desistiu. Robinho fez o gol de cabeça em uma falha clamorosa de Tinga. O lateral direito do Fortaleza simplesmente largou a marcação, se distraiu, não viu  atacante chegar na área. Uma bobeada grande.

Sobre o planejamento para o mata-mata, ele já começou. Maranhão e Corrêa receberam cartões amarelos e estão suspensos. É hora de verificar quem está mais desgastado e quem ainda tem cartão para tomar. O que vale a partir de agora é o que sempre valeu: entrar com força máxima nas duas partidas mais importantes do ano.  E as vaias deste domingo foram um grande exagero. Aplausos também foram ouvidos, até numa tentativa de abafar as críticas da própria arquibancada. A torcida se dividiu.

Recomendado para você