Leituras da Bel

Público da Bienal do Livro do Ceará terá acesso à programação por ordem de chegada

Horácio Dídimo, professor e escritor, participa de debate na terça-feira, 18, às 16h (Foto: Camila de Almeida/O POVO)

Neto Ribeiro/Especial para O POVO

Na próxima sexta-feira, 14, terá início a Bienal Internacional do Livro do Ceará, que irá seguir até o dia 23 deste mês. Com Paula Pimenta, Isabel Lustosa, Eliane Brum, Daniel Galera, Lira Neto, Frei Betto e outros nomes de autores na agenda, a programação de rodas de saberes, debates, bate-papos e workshops irá ocorrer por ordem de chegada. É o que explica Mileide Flores, coordenadora da Bienal.
Para ter acesso ao local, portanto, não há necessidade de fazer inscrições prévias. No total, serão 168 escritores participando da programação, 350 editoras e 110 estandes. Os encontros com os escritores começarão já no primeiro sábado do evento, com o projeto Diálogos, que será uma das janelas do evento.

Um dos encontros que irá ocorrer mediante inscrição e com programação paga será o workshop Narrativas Biográficas. O curso será realizado nos dias 22 e 23 de abril e será ministrado pelo jornalista e professor Edvaldo Pereira Lima. Com investimento de R$ 450, os dois dias de imersão irão ocorrer no HG Office, totalizando 15 horas de aula.

Saiba mais
Dez atividades imperdíveis na Bienal do Livro
Programação oficinal da XII Bienal Internacional do Livro do Ceará

No roteiro de temas abordados na oficina estão: a arte e a tecnologia narrativa de contar histórias de pessoas, storytelling e sua matriz inspiradora para todas as formas de comunicação focadas em pessoas, a Jornada do Herói para escritores de vidas, o legado da rica tradição do Jornalismo Literário, além de outros.

Mileide Flores, coordenadora da Bienal, contudo, garante: “haverá espaço suficiente. Todos os anos, a Bienal lota, mas sempre há espaço”, afirma. Embora estejam presentes no calendário do evento, as oficinas não são o foco principal da Bienal. A coordenadora explica que o objetivo é “debater, pensar e formar o leitor”. Mileide destaca ainda que é preciso perceber a leitura desde a criança até o leitor, enquanto explica que o público principal do evento será o jovem.

Serviço
XII Bienal Internacional do Livro do Ceará
Quando: de 14 a 23 de abril
Onde: Centro de Eventos do Ceará (Av. Washington Soares, 999 – Edson Queiroz)
Acesso gratuito

Recomendado para você