Sincronicidade

Aos que buscam um retorno à fé

Eu absolutamente não me dirijo aos bem-aventurados possuidores da fé, mas a todos os inúmeros buscadores para quem a luz está apagada, o mistério ausente e Deus morto. Para a maioria não há retorno, e quem aliás poderia dizer que o caminho de volta é o melhor? Para a compreensão das coisas religiosas, quase nada existe atualmente senão o caminho da psicologia; é por isso que eu me esforço em refundir as formas de pensamento que a história consolidou, e em verter sua substância nos vasos conceituais da experiência imediata.

Carl Gustav Jung

[Jung, Carl Gustav. Psicologia e religião. Citado por: Gaillard, Christian. Jung e a vida simbólica. Tradução de Pericles Pinheiro Machado Jr. Assessoria técnica Prof. Dra. Denise Gimenez Ramos. São Paulo: Loyola, 2003, p. 116.]