Ancoradouro

Não à ditadura gay

Passada a época estressante da campanha eleitoral e adetrando o período mar-e-mansa do Natal ativistas gays se juntam a senadores que se dizem a favor de uma agenda de avanço para colocarem na pauta o PLC 122/2006 que prescreve uma série de punições a quem não coadunar com a cultura gay, em nome de um projeto anti-homofobia.

O período é estratégico. A pouca mobilização e articulação dos cristãos e interessados no engavetamento desta Lei é um prato cheio para a minoria que deseja impor a ditadura da cultura gay à sociedade brasileira. Observem que no dia 08, próxima quarta-feira, a Comissão dos Direitos Humanos voltará a discutir o assunto. O objetivo é requerer que não se faça mais audiências públicas para discussão do assunto, mas votá-la imediatamente.

Em dezembro  2008, a relatora do PLC 122/2006, Fátima Cleide tentou manobra para votação do projeto de lei infiltrando-o nas discussões do orçamento da União. O PLC não foi votado devido a interferência do senador Magno Malta, que estava presente no debate.

Vale ressaltar que esta é a última cartada da senadora que é relatora do PLC 122/2006. Fátima Cleide perdeu nas urnas e não mais representará o estado de Rondônia no Senado Federal. Conseguindo a manobra no Senado, o passo seguinte será derrubar as emendas dos senadores na Câmara Federal. Provavelmente, os ativistas gays já trabalham na pressão dos líderes de bancadas para que o PLC seja votado em regime de urgência.

Não se admire se na imprensa começar a borbulhar matérias evidenciando a violência contra os gays nestes próximos dias, o objetivo é criar um simulacro de massacre a esta categoria da sociedade brasileira. O blog lembra que para a defesa e proteção dos homossexuais a lei civil e penal dispõe de mecanismos próprios para este fim sem que se tenha a necessidade de criar outras. Pois assim teríamos que criar leis específicas para defender os nordestinos que sofrem discriminação, os negros, gordos, etc. o que inviabilizaria e invalidaria a Constituição que preza pela iguadade dos cidadãos.

Com o novo Projeto de Lei Complementar aprovado teríamos os seguintes cenários:

 – Um religioso, católico ou protestante, não poderia pregar contra a condição homossexua, nem se negar a celebrar um casamento de um par gay, sob pena de reclusão;

– O PLC 122/2006 dar brechas para confusões na área trabalhista. Um funcionário poderia, por exemplo, ao ser demitido, dizer que o fora por ser gay. Resultado, punição para o empresário.

– Caso um professor assuma o homossexualismo ou transsexualismo, inclusive na forma exterior, o  pai não teria o direito de transferir seu filho para outra sala de aula, ou colégio, pois seria acusado de homofóbico.

 – Na sua calçada de casa, ou no transporte público se dois homossexuais estiverem aos beijos ou nas vias de fato e você esboce qualquer indignação com a cena  poderá muito bem ser rotulado de homofóbico. Multa e prisão é a pena.

Fiquemos atentos e nos manifestemos. Articulemos nas redes sociais, blogs, portais de notícias, e-mail em massa e principalmente escrevendo e ligando para os senadores e deputados federais.

Abaixo segue modelo de carta aos senadores sobre o assunto cobrando uma postura dos mesmos com a lista completa dos senadores. As informações deste pôst e a carta foram plugados do Blog de Julio Severo.

Clique aqui.

Nenhum comentário

  • Ricardo disse:

    O título desse seu post, talvez, para ser mais fiel a sua vontade, deveria ser “não a homossexuais serem tratados como gente”. A igreja defendia no passado que negros e indios não tinham alma, não eram seres humanos e portanto poderiam ser escravizados. A igreja foi derrotada e negros e indios passaram a ser tratados como gente. Ainda falta que os gays sejam tratados como gente, e nessa questão a igreja será derrotada novamente.

  • José Ewerton disse:

    Quero dizer que sou totalmente contra dá privilégio para alguem, cor, etenia e outoros grupos. Todo mundo é genéticamente igual, portanto temos que votar contra qualquer lei que venha tirar liberdade de expressão.
    E tem mais, os gays não são nenhum coitadinhos da história. Amaioria sabe muito bem se defender dos preconceitos que lhe são lançados.

  • Jorge Augusto disse:

    Querem que as pessoas aceitem na marra e digam que é algo absolutamente normal o homossexualismo,transsexualismo e derivações . Existem muitas coisas que mostram que é o contrário .
    * transtornos da identidade sexual ( gênero)
    * Transexualismo
    * Transtorno de identidade sexual na infância
    * Transtorno não especificado da identidade sexual
    * Travestismo bivalente
    * Síndrome de Disforia de Gênero
    * Disforia de gênero;
    * Disforia generiforme;
    * Hermafroditismo psíquico
    * neurodiscordância de gênero
    * Síndrome de Money
    * casos limítrofes no transsexualismo
    * disforia hipotalâmica
    * hermafroditismo encefálico
    passar uma imagem mentirosa do homossexualismo , sabem que todos esses dados são verdadeiros . Inclusive estão catalogados na Organização mundial da saúde. Se o transsexualismo é uma doença e precisa de tratamento porque o transtorno mental pode aumentar, por que o homossexualismo já não é catalogado como transtorno? Não explicaram porque tiraram o homossexualismo da lista do CID . Qual a diferença entre o homossexualismo e o transsexualismo ?. NENHUMA , a diferença é que um se veste como o sexo oposto o outro não . Ai está a diferença .
    Eles tem todo o direito de se casarem e seguirem suas vidas como bem entenderem , mas deturpar fatos científicos só para serem aceitos isso não pode .Até hoje não explicaram qual a diferença entre homossexualismo e transsexualismo , e nem por que o homossexualismo foi tirado do cid . O transsexualismo ainda está no CID e o homossexualismo foi tirado porque mesmo ? Só arranjaram desculpas .
    OS HOMOSSEXUAIS TEM QUE SER RESPEITADOS COMO PESSOAS E SERES HUMANOS SIM !!! MAS O COMPORTAMENTO DELES NÃO DEVE SERVIR DE EXEMPLO !!!
    Agora vejam todos os meus comentários foram inofensivos , não ofendi nenhum homossexual , apenas coloquei minha opinião sobre o tema , todos os dados em meus comentários são verdadeiros ( podem conferir ) , e esse projeto é chamado de ditadura gay por causa disso , se eu publicar um comentários sensato como esse eu poderei ser processado , e a onde fica minha liberdade de expressão , existem inúmeros livros da literatura gay voltada exclusivamente para a pedofilia , e sobre isso o governo não diz nada .
    Os gays estão tendo privilégio na sociedade .
    Eu sou contra qualquer violência , não só contra homossexuais , mas contra qualquer pessoa .
    Uma suposição , se um skinhead agredir um negro .
    Pena: reclusão de 1 (um) a 3 (três) anos. .
    Se um skinhead agredir um homossexual.Pena: reclusão de 2 (dois) a 5 (cinco) anos.
    Se qualquer pessoa for agredida .Pena:reclusão 3 meses a um ano.
    Se um idoso for agredido pena: reclusão até 4 anos
    Agora me expliquem uma coisa , agressão é agressão ( se for agressão por intolerância , preconceito ,motivos banais, tem agravante ) . Mas o que difere se um homossexual for agredido de um negro por exemplo , por que o skinhead fica mais tempo na cadeia se agredir um gay ? Por que um skinhead fica menos tempo na cadeia se agredir um negro ? Agressão deveria ser uma pena única ( pra mim o sujeito não civilizado tinha que ficar uns 10 anos preso ) . Mas o que eu quero dizer é bem simples de entender , gays são privilegiados por lei .

    Agressão a qualquer cidadão : 3 meses a um ano
    Agressão a negros : 1 a 3 anos
    Agressão a idosos : até 4 anos
    Agressão a gays : 3 a 5 anos

    Porque os gays são mais protegidos por lei do que um cidadão comum , um negro ou um idoso . Bater em trabalhador honesto , idoso e negro pode , só não pode bater em gay . A lei está errada , como tinha dito antes sou contra qualquer agressão , seja contra gays , negros , idosos , índios , nordestinos , pobres , asiáticos . Mas os gays são privilegiados pela sociedade , dá para notar isso pelo código penal.
    Daqui a pouco os gays vão exigir lugares especiais em ônibus , preferencia em filas , descontos nos impostos , meia entrada em cinemas e teatros . A lei deve ser igual a todos .Os gays não devem ser privilegiados como um grupo exclusivo .
    LEI IGUAL PARA TODOS !!!

  • Jorge Augusto disse:

    NAMBLA – É um grupo americano de ativismo dos direitos gays , pederastas e pedófilos

    PVND – É um grupo holandês de ativismo dos direitos gays , ateus , pedófilos , zoófilos ( sexo com animais ) e querem leis para as pessoas poderem andar nuas nas ruas , e descriminalização de drogas.

    MARTIJN – É um grupo holandês de ativismo gay e pedófilo

    NVSH – É um grupo holandês de ativismo gay que defende a pedofilia,necrofilia ( sexo com mortos ) zoofilia ( sexo com animais ) incestos ( sexo entre mãe e filho , pai e filha ) e o casamento de 4 ou mais pessoas ( isso também é bem estranho , seriam dois maridos e duas mulheres , os filhos teriam dois pais e duas mães )

    APD ( Association pedhofilie dinamark ) – Grupo de ativismo gay e pedófilo .

    Tom ´o Carrol – Grupo de ativismo gay e pedófilo

    Shotacon – grupo japonês que divulga mateiras pornográficos entre gays e crianças transando .

    krumme 13 – grupo de ativismo gay e pedófilo

    René Guyon Society – Grupo de ativismo gay e pedófilo

    Child Love – Grupo de ativismo gay e pedófilo

    GLF ( frente da libertação gay ) – grupo de ativismo gay e pedófilo TODOS ESSE GRUPOS DEFENDEM AS CAUSAS HOMOSSEXUAIS , MAS ELE OMITEM QUE DEFENDEM CAUSAS PEDÓFILAS . São grupos feitos por homossexuais que querem que a pedofilia seja legalizada .
    Porque os maiores ativistas pró-pedofilia do mundo são homossexuais , eu acho isso estranho , mesmo que o homossexualismo não esteja ligado diretamente com a pedofilia , então porque os maiores ativistas pró-pedofilia são homossexuais , aqui no Brasil temos o exemplo do Luiz Mott , e isso vai mundo a fora , eu sinceramente acho estranho , muito estranho .
    Praticamente todos os grupos que defendem a pedofilia são grupos dos direitos homossexuais . Não estou mentindo olhe vc mesmo .
    NAMBLA ,VND ,MARTIJN,NVSH ,APD ( Association pedhofilie dinamark ), Tom ´o Carrol,Shotacon ,krumme 13,René Guyon Society ,
    Child Love ,GLF.
    eu te deixo uma pergunta porque todos os grupos de ativismo PRÓ-PEDOFILIA , são homossexuais ?
    Estranho isso não é verdade . Todo ativismo pró-pedofilia está ligada aos direitos dos homossexuais !!!
    Não sei não , outra pergunta . Existem pedófilos heterossexuais e homossexuais , mas porque só os pedófilos homossexuais querem a legalização da pedofilia ?
    Só Grupos homossexuais reivindicam a pedofilia legalizada . E toda a obra da literatura gay que é voltada exclusivamente a pedofilia ? Existem milhares de livros de conteúdo homossexual que faz uma grande apologia a pedofilia e o amor entre os homens e os meninos .

  • Larissa Dourado disse:

    Jorge Augusto,
    repare que seu cometário já é preconceituoso…
    “agressão a qualquer cidadão” e os negros, idosos e homessexuais?? eles também são como qualquer um de nós!

  • siane disse:

    Pois eu prefiro ir pra cadeia, do que discordar das leis de Deus.
    Gentinha probre de espirito,, não consegue encontrar a sua propria identidade,,
    no fundo gays, são pessoas infelizes que sentem prazer em fazer sexo com pessoa do mesmo
    sexo e acham que são felizes assim, ai dizem eu sou gay,, mas la no fundo do coração são pessoas vazias,, pra mim são as pessoas mais pobres do mundo. gentinha nojenta vou pra cadeia com gosto!!!

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

16 − 13 =